Booking.com

segunda-feira, março 31, 2008

Campeonato de juniores ao rubro

O campeonato de Juniores está ao rubro. Neste fim-de-semana , a equipa do Caldas SC conseguiu uma preciosa vitória no campo do S.L.Marinha e deu um passo importante rumo a subida de divisão.Nesta altura, decorrida a 16ªJornada e quando faltam apenas 6 jornadas , o Caldas tem uma preciosa vantagem de 3 pontos, sobre o S.L.Marinha. Apesar do S.L.Marinha ter um jogo a menos, contra o Beneditense, estes 3 pontos podem ser preciosos, pois mesmo que a equipa da Ordem vença o jogo que tem atraso, irá continuar em 2ºlugar, pois no confronto directo com o Caldas, perdeu os 2 jogos(3-0 em Caldas, 0-1 na Marinha). Advinha-se assim campeonato até ao fim, e a espreita continua também o SCL Marrazes, que apesar de ter menos 5 pontos em relação ao Caldas, continua a acreditar ter uma palavra a dizer.
Quanto ao jogo na Ordem, o Caldas SC venceu por 0-1. Depois de uma primeira parte em que teve um domínio territorial, mas sem conseguir chegar ao golo, aos 55 minutos surge o único golo do encontro, num canto da direita, uma falha clara de marcação no interior da pequena área, e o Caldas SC a chegar a vantagem. O S.L.Marinha procurou responder e passou a ter o domínio do jogo, apostando o Caldas SC em conta-ataques , muitas das vezes perigosos, tal era o balanceamento da equipa de Hélder Serra em busca do empate. Empate esse que esteve a beira de acontecer por duas vezes, primeiro no remate de muito longe, com o guardião caldense a confiar em demasia no golpe de vista e a bola a bater no poste direito com muito perigo. O outro lance aconteceu já em período de descontos, com TD a isolar-se , mas a não conseguir bater o guardião caldense. Apesar destes lances, o Caldas SC também teve boas ocasiões para setenciar o jogo, e o resultado final acaba por se aceitar, embora talvez fosse mais justo um 1-2. Vitória da equipa que apresentou mais colectivo e estatura fisíca, perante um S.L.Marinha que se apresentou com uma equipa muito jovem(grande parte jogadores de 1ºano e muitos juvenis), e extremamente dependente de 2 ou 3 jogadores. Advinha-se assim campeonato intenso até ao final!!!

“Vidreiros” é mesmo espinha encravada



Campo do Tojal, em Picassinos.
Árbitro: Carlos Amado, de Leiria
Assistentes: Ricardo Morgado e Artur Louceiro




Ao intervalo: 2-2
Golos: 0-1 por Silvestre, aos 5m; 1-1 por Fábio, aos 10m; 1-2 por Paulo Neves, aos 37m; 2-2 por Chico, aos 45m.
Acção disciplinar: amarelos para Caça (31m), João Paulo (37m), Chico (49m), João Luís (53m), Vasco (74m), Cláudio (78m) e Marrazes (90m).


Vidreiros: Nuno Salgueiro; Cláudio, Fragoso (João Paulo, aos 20m), João Domingues e Daniel, Marrazes, Caça (Ruben, aos 74m), João Luís (Edgar, aos 85m) e Chico; Dilson e Fábio.
Suplentes não utilizados: Radar, Vitinho e Tiago.
Treinador: Vitor Gato

GD Peniche: João Miguel; Laranja (Vando, aos 74m), Silvestre, Ricardo Viola e Rui João; Paulo Neves, Baba (Marinho, aos 78m) e Vasco (Bruno Costa, aos 82m); Márcio, Ruben e Emanuel.
Suplentes não utilizados: Hélio, João Fernandes e Diogo.
Treinador: Bastos Lopes

Decididamente, a equipa do Peniche não se conseguiu entender com o conjunto de Picassinos. Apesar de ocupar a última posição, foi até agora uma autêntica espinha encravada para o GDP. Há uma semana atrás, obrigou os pupilos de Bastos Lopes a horas extras para seguir em frente na Taça e agora, para o campeonato, impõe um empate a duas bolas. Razão para tudo isto não é fácil encontrá-las. Mas sempre avançamos que afinal tudo não passa da essência do futebol: não sendo ciência exacta, tudo é possível ou não seria a bola redonda. Mas outras razões poderão ser assumidas. Por um lado, a grande entrega e abnegação dos locais frente ao líder e, por outro lado, algumas dificuldades em reconstruir o eixo defensivo em virtude de algumas ausências. E por último, apenas diremos que aconteceu futebol.Para Vitor Gato, técnico dos locais, tratou-se de um excelente tónico para as jornadas finais no sentido de alterar a classificação e poder aspirar a uma eventual manutenção. Para o Peniche, acaba por ser um resultado imprevisto até tendo em conta a forma como iniciou a partida, dominando em todos os sectores e com o marcador a ganhar expressão bem cedo, com Silvestre a apontar o primeiro golo, na sequência de um pontapé de canto. Era o corolário lógico do maior domínio da equipa, que apresentava grandes níveis de confiança e um futebol solto e ao primeiro toque, parecendo que seria mais fácil que o encontro anterior. Mas tudo se esfumaria rapidamente, com os locais a reagir e a chegar ao golo ao minuto 10. Uma falha defensiva permite que a bola ressalte para Fábio que se desmarca pela direita e, ainda fora da área, desfere um forte remate, sem hipóteses para João Miguel. Um momento importante, qual tónico para o aumentar dos níveis de confiança. A partir dos vinte minutos, o futebol decaiu de qualidade e rareavam as situações de golo. E seria preciso esperar pelos minutos finais da primeira parte, para que a emoção voltasse ao campo do Tojal. Primeiro, seria o Peniche a mostrar toda a qualidade do seu futebol, numa triangulação entre Ruben, Vasco e Paulo Neves com este último a concretizar o segundo golo. Tudo parecia encaminhado para o resultado previsível mas, eis que no deambular dos descontos da primeira parte, nova desatenção defensiva e os Vidreiros a chegarem ao empate, através de Chico. Canto apontado, a bola sobrevoa toda a defensiva penichense, lenta a aliviar, e o avançado a não perdoar.E se para a etapa complementar, alguém pudesse esperar facilidades para os líderes, tudo não voltaria a passar de pura ilusão. E apanham mesmo o primeiro susto, ao minuto 48, com Fábio a entrar na área e a rematar ligeiramente ao lado, quando já todos pensavam que o golo seria o corolário lógico. Passado o susto, o Peniche retomam o domínio e parecem dispostos a alterar o rumo dos acontecimentos e, bem cedo, dão o mote ao desperdiçarem soberana oportunidade aos 55 minutos, com Paulo Neves a atirar à trave. A trave voltaria a ser amiga dos locais, desta vez cabendo a Márcio a proeza da pontaria. A juntar à melhor atitude competitiva, o técnico Bastos Lopes mexe na equipa, fazendo entrar Vando para o lugar do lesionado Laranja, e ganha em agressividade atacante. Os Vidreiros passaram por um período de dificuldade mas souberam ter cabeça fria e aproveitar bem o adiantamento do adversário para lhe causar alguns calafrios que poderiam ter tido outras consequências. Que o diga Chico que, bem desmarcado pela direita, entra na área mas remata demasiado ao lado. Era uma tarde menos feliz para um Peniche que esteve muito abaixo do que lhe é habitual, sobretudo sentindo dificuldades defensivas. A equipa ainda tentou um pressing final que não surtiria efeito uma vez que, por um lado, o acerto da defensiva local não permitia a criação de oportunidades e, por outro, a contra-ofensiva local acabou por criar situações embaraçosas para o guardião João Miguel. No final, é justo que se diga que o resultado se aceita e premeia a abnegação e entrega dos locais.Arbitragem sem problemas.




José Monteiro, Peniche Online - desporto

Gaeirense goleia Praia da Vieira

Arbitro: Paulo Soveral, auxiliado por Luís Sacramento e por Luís Querido do C.A. de Leiria

S.C.R.Gaeirense: Ângelo, Rui Ferreira, Dani ( Bernardino, 70′ ), Zé Simões, Slevic, Hermes ( Gonzaga, 59′ ), Camacho, Vilaça ( Marcelo, 70′ ), Palatino, Rijo, Norberto.
Treinador: Eduardo Silva
G.D. Praia da Vieira: Gil, Óscar, Márcio, Mauro, Lota, Alex ( Troby, 7′ ), F. Sousa, Diogo, Ricardo, Cacau, Quim ( Telmo, 59′ ).
Treinador: Bruno Ramusga
Marcadores: Vilaça ( aos 10′ ), Camacho ( aos 12′ ), Rui Ferreira ( aos 39′ ), Slevic ( aos 57′ e aos 75′ ), Palatino ( aos 80′ ) e Norberto ( aos 90′ ).
Nesta tarde de sol, no parque Luís Filipe da Gama, o Gaeirense estreia mais um júnior. Com Nelson lesionado, com André Silva indisponível, o treinador Eduardo Silva chamou para a baliza Ângelo, guarda-redes da equipa de juniores.Para melhor ajudar o seu guarda-redes, Vilaça abriu o marcador, aos 10′, aproveitando um bom cruzamento de Norberto, cabeceando para o fundo da baliza.Pouco depois, Camacho, marca de forma rigorosa, um livre indirecto na zona frontal da área.Após os primeiros quinze minutos, em que o gaeirense ganha a sua vantagem, o jogo entra numa toada mais morna, sempre com a equipa da casa no comando, mas sem que o seu futebol pressione o adversário. A Praia da Vieira não consegue criar uma jogada com cabeça, a bola acaba sempre por parar nos defesas visitantes.Antes do intervalo chegar, Rui Ferreira faz o terceiro golo após Palatino fugir pela direita e cruza para Slevic que serve-o da melhor maneira.O Praia da Vieira percebeu que o jogo já estava perdido, mas jogou a 2ª parte com tudo o que podia para pelo menos dignificar o seu clube.Mas por muito que os seus jogadores se esforçassem, já nada conseguia evitar a goleada. Aos 57′, Slevic finaliza da melhor maneira, uma arrancada sua pela direita.Para complicar mais as contas ao Praia da Vieira, o seu guarda-redes na tentativa de cortar uma jogada de Palatino, acaba por tocar com as mãos na bola fora da área. Como Palatino ia isolado, Gil foi expulso, como já tinham esgotado as substituições, foi para o seu lugar Diogo. Na marcação do livre Camacho manda para fora.No minuto 75, Slevic bisa na partida. Na sequencia de muita confusão dentro da área, onde ninguém parecia querer rematar, aparece Slevic a chutar forte para o desamparado Diogo.Com o adversário a jogar com menos um, as facilidades para o Gaeirense aumentaram, tendo inclusive desperdiçado uma série de oportunidades. Num desses lances, aos 80′ Palatino acaba por fazer mais um golo.No ultimo minuto de jogo, Norberto põe um ponto final no resultado, quando se liberta de dois adversários e dentro da área remata forte.Resultado sem margem para duvida, em que o poderio técnico da equipa da casa veio ao de cima, acabando por facilitar a estreia do jovem Ângelo.

domingo, março 30, 2008

23ªJornada - Divisão de Honra - Seniores

Resultados
F.Vinhos 4 (Tendinha 2, Camisas e Futre) - Marrazes 2 (Salsa e Rocha)
Beneditense 7 (Serrazina 3, Batuto 2 e Simões 2) - Pedroguense 0
Pataiense 2 (Leandro e Serrão) - Avelarense 1 (Góis)
Vieirense 4(J.Pinto,Gata e Hugo Neto 2) - Maceirinha 0
Biblioteca 0 - Nazarenos 0
Alvaiázere 1 (Nuno) - Alqueidão da Serra 0
-----
Classificação

1º GD Peniche - 59 Pontos
2º Nazarenos - 50 Pontos
3º CD Pataiense - 45 Pontos
4º GD Guiense - 44 Pontos
5º Beneditense - 40 Pontos
6º Alq. da Serra - 30 Pontos
7º IDVieirense - 30 pontos
8º Maceirinha - 29 Pontos
9º Ansião - 29 Pontos
10º Fig.Vinhos - 28 Pontos
11º Biblioteca - 27 Pontos
12º S.C.L.Marrazes - 24 Pontos
13º GD Alvaiázere - 22 Pontos
14º Avelarense - 22 Pontos
15ºPedroguense - 17 Pontos
16º Vidreiros - 16 Pontos
------

23ªJornada - 1ªDivisão Distrital/Norte - Seniores

Resultados
Simonenses 1 -Caseirinhos 2
Arcuda 3 -Moita do Boi 2
Meirinhas 3 -Ilha 1
Motor Clube 0 -Ranha 2
Pousaflores 1 -U.Matamourisquense 1
C.Pêra 3 -Carreirense 2
Pelariga 1 -A.Unido 0
Casal Novo 1 -Ramalhais 2
-----
Classificação
1-Meirinhas 64
2-Ilha 49
3-Pelariga 47
4-Moita do Boi 44
5-Arcuda 42
6-Ranha 37
7-U.Matamourisquense 35
8- C.Pêra 34
9-Carreirense 28
10-Casal Novo 28
11- Pousaflores 26
12-Ramalhais 26
13-A.Unido 20
14-Caseirinhos 18
15-Simonenses 11
16-Motor Clube 6

23ªJornada - 1ªDivisão Distrital/Sul - Seniores

Resultados
Boavista 4(Tiago Gomes 2, Olivério e auto-golo) -Moitense 1
Outeirense 6(Ricardo Lavos 3, Rui Lobo, Telmo Mulato e Pailé) -Turquel 0
Juncalense 2 -Alfeizerense 1
Unidos 3(Jardim e Figo 2) -Nadadouro 0
SL Marinha 2(Cadete e Vando) -Santo Amaro 0
Gaeirense 7(Vilaça, Camacho , Palatino , Slevic , Marcelo , Norberto e Rui Ferreira) -P.Vieira 0
Grap/Pousos1(Eurico) - Atouguiense 0
Folgou - Pilado e Escoura
-----
Classificação

1º Gaeirense - 59 pontos
2º S.L.Marinha - 49 Pontos
3º Grap/Pousos- 48 pontos
4º Atouguiense- 48 Pontos
5º Pilado e Escoura - 46 Pontos
6º Outeirense - 33 Pontos
7º Juncalense - 32 Pontos
8º Unidos - 32 Pontos
9ºSanto Amaro - 29 Pontos
10º Boavista - 28 pontos
11º Praia da Vieira - 26 Pontos
12º Alfeizerense - 12 Pontos
13º Turquel - 11 Pontos
14º Nadadouro - 4 Pontos
15º Moitense - 2 Pontos
------

16ªJornada - 1ªDivisão Distrital - Iniciados

Zona Norte
Resultados
GD Guiense 8 - Ilha 0
Bidoeirense 0 - Avelarense 1
Almagreira 4 - Sp.Pombal B 3
AD Ranha 6 - Motor Clube 1
AD Ramalhais 0 - CRC Abelha 8
-----
Classificação
1ºAvelarense - 45 Pontos
2ºBidoeirense - 38 Pontos
3ºCRC Abelha - 33 Pontos
4ºGD Guiense - 25 Pontos
5ºSP.Pombal B - 21 Pontos
6ºMotor Clube - 19 Pontos
7ºAlmagreira - 19 Pontos
8ºAD Ranha - 17 Pontos
9ºRamalhais- 12 Pontos
10ºDesp.Ilha - 3 Pontos
-----
-----
Zona Centro
Resultados
Maceirinha 2 - Pilado e Escoura 1
UD Batalha 4 - Grap/Pousos B 0
Vieirense B 0 - GD Parceiros 0
S.L.Marinha B 1 - AC Marinhense B 4
Marrazes B 1 - Caranguejeira 0
-----
Classificação
1ºUD Batalha - 40 Pontos
2ºVieirense B - 37 Pontos
3ºMaceirinha - 29 Pontos
4ºCaranguejeira - 27 Pontos
5ºMarinhense B - 27 Pontos
6ºGD Parceiros - 19 Pontos
7ºGrap/Pousos B - 16 Pontos
8ºMarrazes B - 14 Pontos
9ºS.L.Marinha B - 14 Pontos
10ºPilado e Escoura - 3 Pontos
-----
-----
Zona Sul
Resultados
A-Dos-Francos 1 - AE Óbidos 3
GD Peso 4 - Turquel 1
U.Mirense 3 - Caldas SC B 1
Alcobaça B 0 - Concha Azul 2
Beneditense B 6 - Pataiense 1
-----
Classificação
1ºA-Dos-Francos - 36 Pontos
2ºAE Óbidos - 34 Pontos
3ºUR Mirense - 33 Pontos
4ºBeneditense B - 29 Pontos
5ºCaldas SC B - 24 Pontos
6ºCD Pataiense - 22 Pontos
7ºUD Turquel - 19 Pontos
8ºDesp.Peso - 16 Pontos
9ºConcha Azul - 14 Pontos
10ºAlcobaça B - 0 Pontos

17ªJornada - Divisão de Honra - Iniciados

Resultados
U.Leiria B 0 - Beneditense 2
Bombarralense 0 -Alcobaça 5
Sp.Pombal 0 - SCL Marrazes 1
Grap/Pousos 1 - Biblioteca 0
U.Serra 1 - Nazarenos 4
GD Peniche 1 - Portomosense 1
-----
Classificação
1ºBeneditense - 45 Pontos
2ºNazarenos - 35 Pontos
3ºSp.Pombal - 30 Pontos
4ºSCL Marrazes - 30 Pontos
5ºU.Leiria B - 25 Pontos
6ºPortomosense - 24 Pontos
7ºGrap/Pousos - 22 Pontos
8ºAlcobaça - 22 Pontos
9ºGDPeniche - 19 Pontos
10ºU.Serra - 15 Pontos
11ºBiblioteca - 11 Pontos
12ºBombarralense - 9 Pontos

14ªJornada - 1ªDivisao Distrital - Juvenis

Zona Norte
Resultados
Arcuda 1 - Guiense 0
Matamourisca 0 - GD Pelariga 6
AD Ranha 5 - Ilha 1
Avelarense 4 - Fig.Vinhos 3
Folgou - Pedroguense
-----
Resultados
1ºPedroguense - 30 Pontos
2ºAvelarense - 29 Pontos
3ºGD Guiense - 26 Pontos
4ºArcuda - 23 Pontos
5ºFig.Vinhos - 20 Pontos
6ºGD Pelariga - 20 Pontos
7ºAD Ranha - 20 Pontos
8ºDesp.Ilha - 3 Pontos
9ºMatamourisca -0 Pontos
-----
-----
Zona Centro
Resultados
S.L.Marinha B 2 - A.C.R.Maceirinha 0
SCL Marrazes 3 - Golpilheira 0
Monte Real 3 - Bidoeirense 0
Batalha 0 - AC Marinhense A 1
Soutocico 6 - Santo Amaro 1
-----
Classificação
1ºS.C.L.Marrazes - 37 Pontos
2ºAC Marinhense - 37 Pontos
3ºS.L.Marinha B - 33 Pontos
4ºSoutocico - 25 Pontos
5ºBidoeirense - 23 Pontos
6ºGolpilheira - 19 Pontos
7ºMonte Real - 19 Pontos
8ºBatalha - 18 Pontos
9ºACR Maceirinha - 3 Pontos
10ºSanto Amaro - 3 Pontos
-----
-----
Zona Sul
Resultados
Desp.Peso 17 - UD Turquel 0
AC Marinhense B 1 - Caldas SC B 0
Portomosense 4 - UR Mirense 0
ANDA Ramalhosa 2 - Biblioteca 1
Alcobaça B 2 - CD Pataiense 1
-----
Classificação
1ºDesp.Peso - 40 Pontos
2ºPortomosense - 39 Pontos
3ºCaldas SC B - 32 Pontos
4ºAC Marinhense B - 28 Pontos
5ºBiblioteca - 26 Pontos
6ºAlcobaça B - 16 Pontos
7ºCD Pataiense - 14 Pontos
8ºRamalhosa - 10 Pontos
9ºUR Mirense - 9 Pontos
10ºUD Turquel - 0 Pontos

17ªJornada - Divisão de Honra - Juvenis

Resultados
Caldas SC 4 - Bombarralense 1
U.Leiria B 8 - GD Peniche 4
Grap/Pousos 1 - Alcobaça 1
Sp.Pombal 0 - Nazarenos 1
Beneditense 2 - Vieirense 4
U.Serra 0 - Gaeirense 0
-----
Classificação
1ºCaldas SC - 40 Pontos (- 1 Jogo)
2ºU.Leiria B - 34 Pontos (- 1 Jogo)
3ºGaeirense - 27 Pontos
4ºG.Alcobaça - 26 Pontos
5ºNazarenos - 26 Pontos
6ºBeneditense - 24 Pontos
7ºVieirense - 24 Pontos
8ºU.Serra - 22 Pontos
9ºGrap/Pousos - 18 Pontos
10ºSp.Pombal - 13 Pontos
11ºGD Peniche - 10 Pontos
12ºBombarralense - 1 Ponto

15ªJornada - 1ªDivisão Distrital - Juniores

Zona Norte
Resultados
Ramalhais 3 - Moita do Boi 3
Motor Clube 9 - Alvaiázere 0
Guiense 6 - Bajouca 1
Arcuda 2(Cristiano e Renato) - Ansião 0
Cast. de Pêra 1 - Fig.Vinhos 2
-----
Resultados
1ºArcuda - 36 Pontos
2ºMotor Clube - 36 Pontos
3ºGD Guiense - 28 Pontos
4ºCast.de Pêra - 25 Pontos
5ºAD Ramalhais - 22 Pontos
6ºGD Pelariga - 21 Pontos
7ºFig.Vinhos - 21 Pontos
8ºMoita do Boi - 14 Pontos
9ºCC Ansião - 13 Pontos
10ºAlvaiázere - 10 Pontos
11ºAlegre Unido - 4 Pontos
-----
-----
Zona Sul
Resultados
Batalha 10 - S.Guilherme 1
GD Peniche 1 - U.Serra 1
Parceiros 2 - Alq.Serra 1
Nadadouro 5 - Atouguiense 1
Pilado - Pataiense (Adiado)
Folgou - Desp.Peso
-----
Classificação
1º U.Serra - 39 Pontos
2ºUD Batalha -32 Pontos
3ºNadadouro - 30 Pontos
4ºAtouguiense - 24 Pontos
5ºPilado/Escoura - 22 Pontos
6ºCD Pataiense - 18 Pontos
7ºGD Peniche - 17 Pontos
8ºGD Parceiros - 16 Pontos
9ºAlq.Serra - 15 Pontos
10ºDesp.Peso - 8 Pontos
11ºSão Guilherme -0 Pontos

16ªJornada - Divisão de Honra - Juniores

Resultados
S.C.L.Marrazes 5 - Pedroguense 2
S.L.Marinha 0 - Caldas SC 1
Alcobaça 5 - Avelarense 1
Nazarenos 0 - Beneditense 1
Bombarralense 5 - Bidoeirense 0
Gaeirense 6 - Grap/Pousos 1
-----
Classificação
1ºCaldas SC - 39 Pontos
2ºS.L.Marinha - 36 Pontos(- 1 Jogo)
3ºS.C.L.Marrazes - 34 Pontos
4ºAlcobaça - 29 Pontos
5ºNazarenos - 21 Pontos
6ºGaeirense - 21 Pontos
7ºBombarralense - 21 Pontos
8ºBidoeirense - 18 Pontos
9ºGrap/Pousos - 18 Pontos
10ºAvelarense - 17 Pontos
11ºBeneditense - 15 Pontos(- 1 Jogo)
12ºPedroguense - 3 Pontos

sábado, março 29, 2008

Jogos e árbitros do fim-de-semana

Divisão de Honra
Marco Gomes (Guiense-Ansião)
Rudy Silva (F.Vinhos-Marrazes)
João Mendes (Beneditense-Pedroguense)
Paulo Marques (Pataiense-Avelarense)
Carlos Amado (Vidreiros-Peniche)
Márcio Ferreira (Vieirense-Maceirinha)
Hugo Pires (Biblioteca-Nazarenos )
Sandro Soares (Alvaiázere-Alqueidão da Serra)
------
1ªDistrital-Zona Norte
José Salgueiro (Simonenses-Caseirinhos)
Eduardo Duarte (Arcuda-Moita do Boi)
Romão Santos (Meirinhas-Ilha)
Leandro Siopa (Motor Clube-Ranha)
Rui Alexandre (Pousaflores-U.Matamourisquense)
Paulo Ferraz (C.Pêra-Carreirense)
Inês Ferreira (Pelariga-A.Unido)
Ricardo Martinho (Casal Novo-Ramalhais)
-----
1ªDistrital - Zona Sul
Pedro Martins (Boavista-Moitense)
Domingos Lavinha (Outeirense-Turquel)
João Cova (Juncalense-Alfeizerense)
André Duarte (Unidos-Nadadouro)
Carlos Francisco (SL Marinha-Santo Amaro)
Paulo Soveral (Gaeirense-P.Vieira)
Luciano Gonçalves (Grap/Pousos-Atouguiense)

Historial - Divisão Honra (23º Jornada)

FIG VINHOS vs LEIRIA MARRAZES

Tradição ainda é o que é ?...desde 1986 que a equipa de Leiria não vençe em Figuiró e desde 1997 que regressa com zero pontos.

Confronto entre duas equipas que se encontram em lugares incómodos na classificação, ambos sob a ameaça do 'recuperado' Avelarense. A equipa de Fig Vinhos (11º) tem apenas quatro vitórias caseiras em onze jogos, enquanto o L&M (12º) apenas vençeu uma vez 'fora de portas' em dez jogos. Relativamente aos golos ambos os conjuntos registam resultados pouco animadores; em casa o Fig Vinhos regista 16-15 e fora o L&M apresenta 6-18.

Prognóstico: Duas equipas que vão pensar mais nos pontos e esperar por um erro. EMPATE

84-85....2-2
85-86....0-2...Leiria Marrazes
(...)
91-92….---
92-93….---
93-94….---
94-95….---
95-96….---
96-97….1-1
97-98….2-0...Fig Vinhos
98-99….---
99-00….2-1...Fig Vinhos
00-01….---
01-02….3-0...Fig Vinhos
02-03….2-1...Fig Vinhos
03-04….2-0...Fig Vinhos
04-05….---
05-06….3-0...Fig Vinhos
06-07….2-0...Fig Vinhos

quinta-feira, março 27, 2008

Muito Marrazes para tão pouco Vidreiros

S.C.L.Marrazes 2 - Vidreiros 0
Jogo de Repetição da 18ªJornada
Árbitro - Sandro Soares do C.A de Leiria
S.C.L.Marrazes - Gonçalo , Parreira , Sandro (Cap.) , Portugal , Rúben , Seco , Fernandinho , Miguel , Alberto , Bocas e Diogo
Suplentes não utilizados - Lourenço , Zenga
Treinador - António Paiva
Vidreiros - Nuno Salgueiro , Xico , João Domingues , Marrazes (Cap.) , Daniel , Fragoso , Tiago , João Paulo , Caçador , João Luís e Fábio
Treinador - Gato
Ao intervalo 1/0
Acção Disciplinar -Tiago 62 min.) , Alberto (75 min.) , Parreira (80 min.)
Numa quarta-feira á noite gelada e em dia de jogo da selecção nacional, Marrazes e Vidreiros cumpriram a repetição do jogo da 18ªJornada, e que a equipa do Marrazes havia vencido por 3-2, e que a A.F.Leiria mandou repetir devido a um erro técnico do árbitro João Ricardo.
Foram duas equipas bastante desfalcadas as que se apresentaram ao poucos espectadores presentes, com especial destaque para a equipa dos Vidreiros, que em resultado de algumas lesões e castigos, apresentou-se bastante condicionada para este jogo nos Vidreiros.
E pode-se dizer que o Marrazes foi um claro vencedor, num jogo de sentido único e não fosse algumas boas defesas de Nuno Salgueiro e certamente o resultado seria bem mais volumoso.
O Marrazes teve sempre o domínio do jogo, e apenas em raros conta-ataques a equipa dos Vidreiros procurava chegar junto da baliza de Gonçalo, mas sempre sem grande perigo. Já depois de Nuno Salgueiro ter feito algums boas defesas e evitar o golo inaugural, aos 30 minutos nada pode fazer e Alberto inaugura mesmo o marcador para a equipa dos Marrazes, lance na esquerda, Bocas a ganhar espaço, e Alberto a aparecer em frente da baliza descído para a esquerda e não perdoar.
E foi já na segunda parte , aos 58 minutos que Diogo vai ampliar a vantagem , e depois de receber um passe longo, inflecte da direita para o centro e faz o 2-0, resultado que vria a ser o resultado final.
Daí atá ao final o Marrazes continuou sempre na procura de novo golo, perante uma equipa dos Vidreiros sem qualquer tipo de ambição de mudar o rumo dos acontecimentos.
Bom trabalho do árbitro Sandro Soares, que se recordemos apenas uma falha, ao não marcar uma falta sobre Alberto, quando este fugia com perigo para a área adversária.

quarta-feira, março 26, 2008

Jogo repetido da 18ªJornada - Divisão de Honra

Resultado
S.C.L.Marrazes 2 (Alberto e Diogo) - Vidreiros 0
-----
Classificação:
1ºGD Peniche - 58 Pontos
2ºNazarenos - 49 Pontos
3º CD Pataiense - 42 Pontos
4º GD Guiense - 41 Pontos
5ºBeneditense - 37 Pontos
6ºAlq. da Serra - 30 Pontos
7º Maceirinha - 29 Pontos
8º Ansião - 29 Pontos
9ºVieirense - 27 Pontos
10ºBiblioteca - 26 Pontos
11ºFig.Vinhos - 25 Pontos
12ºS.C.L.Marrazes - 24 Pontos
13ºAvelarense - 22 Pontos
14ºGD Alvaiázere - 19 Pontos
15ºPedroguense - 17 Pontos
16º Vidreiros - 15 Pontos
-----

Jogo S.C.L.Marrazes / Vidreiros vai ser repetido

O jogo S.C.L.Marrazes/Vidreiros, relativo a 18ªJornada do campeonato da Divisão de Honra, e que a equipa dos Marrazes venceu por 3-2 , vai ser repetido esta noite, ás 21 horas no Campo de Jogos do S.C.L.Marrazes.
Recorde-se que este jogo havia sido protestado pela equipa de Picassinos, que alegou que o árbitro João Ricardo cometeu um erro técnico, razão que lhe foi dada pela A.F.Leiria , que mandou repetir o jogo. Tudo se deveu a um erro do jovem árbitro, que mostrou o 2ºamarelo ao jogador Portugal, sem que lhe tenha dado o respectivo vermelho. Apenas algum tempo depois, a equipa de arbitragem deu pelo erro e aí sim, expulsou o defesa dos Marrazes.
Com a repetição deste jogo, o Marrazes vê para já serem lhe retirados 3 pontos que havia conquistado, e desce, provisóriamente para os lugares de descida.
-----
Classificação
1ºGD Peniche - 58 Pontos
2ºNazarenos - 49 Pontos
3º CD Pataiense - 42 Pontos
4º GD Guiense - 41 Pontos
5ºBeneditense - 37 Pontos
6ºAlq. da Serra - 30 Pontos
7º Maceirinha - 29 Pontos
8º Ansião - 29 Pontos
9ºVieirense - 27 Pontos
10ºBiblioteca - 26 Pontos
11ºFig.Vinhos - 25 Pontos
12ºAvelarense - 22 Pontos
13ºS.C.L.Marrazes - 21 Pontos(- 1 Jogo)
14ºGD Alvaiázere - 19 Pontos
15ºPedroguense - 17 Pontos
16º Vidreiros - 15 Pontos (- 1 Jogo)
-----

terça-feira, março 25, 2008

Ansião continua na Taça!!

Pataiense 1 - Ansião 2 (a.p)
Campo da floresta, em Pataias
Árbitro: Carlos Brites (AF.Leiria)
CDPataiense: Emanuel, Telmo (Osvaldo, 76´), Pedro Rosa, Kikó, Nascimento, Mesquita, Serrão, Leandro, Bertolino (Picamilho, 71´), Pedro Jorge e João Costa.
Treinador: José Carlos
Ansião: Aguiar, Zé, Jorge (J. Pedro, 90´), Samuel, Rogério, Palhais, P. Neves (Poquinha, 80´), Bajedas, Bispo (Ruizito, 69´), Pernadas e Eduardo.
Treinador: Ricardo Silva

Marcadores: Diogo Bispo (68’), Pedro Jorge (86’) e Ruizito (108')

O Ansião conseguiu no passado Domingo o apuramento para as meias-finais após, uma vitória sobre a equipa do Pataiense. Na primeira parte, o jogo foi equilibrado, não existindo muitas situações de golo. No segundo tempo, ambas as equipas imprimiram mais velocidade ao jogo e, logo, no primeiro quarto de hora surgiram duas oportunidades para inaugurar o marcador, uma para cada lado. Ao minuto 63´a equipa do pataias poderia ter inaugurado o marcador. Nascimento rematou forte para defesa incompleta do guardião adversário e na recarga, Leandro falha escandalosamente. E como diz o ditado, quem não marca sofre, ao minuto 68, Diogo Bispo abriu o activo. Perante a dificuldade de obter um golo, o técnico Zé Carlos optou por fazer duas substituições, nomeadamente a entrada de Osvaldo e Picamilho, com o objectivo de intensificarem as jogadas de ataque e darem mais ritmo ao jogo. E ao minuto 86´ eis que surge o golo do Pataiense por intermédio de Pedro Jorge. Dois minutos depois Samuel viu o segundo amarelo e recebeu ordem de expulsão. O tempo estava a terminar e adivinhava-se o prolongamento. Durante o prolongamento era notório algum desgaste por parte das duas equipas, optando estas por um futebol mais directo. E foi num lance de contra-ataque que o Ansião foi mais feliz e chegou ao segundo golo por intermédio de Ruizito. Após o golo, a equipa de Ansião recuou no terreno e soube controlar as investidas por parte do adversário, até ao final do encontro.
Arbitragem razoável de Carlos Brites.
Cristiana Ferrão

Com justiça nas meias-finais!

Maceirinha 2 - Nazarenos 1

Campo do Outeiro, na Maceirinha
Árbitro: Ricardo Martinho

Maceirinha: Zé Manel; Telmo, Santana, Nélio (Nogueira, 87’), Hélder Renato (Botelho, 67’) , Peugeot, Gigas, Rui Guerreiro (Bruno, 65’), Marco Alves, André Monteiro e Pedro Monteiro
Treinador: Paulo Cerejo

Nazarenos: Pistolas; Vidinha (Tiago, 45’), Hilário, Nuno, Mendes, Álvaro, Fabinho, zezinho (Ruizinho, 75’), Cláudio Mafra (Ivo, 65’), Pedro Morais e Rui Godinho.
Treinador: Joaquim Trindade

Marcadores : Hélder Renato (10’), André Monteiro (33’) e Pedro Morais (65’).

A Maceirinha garantiu hoje o apuramento para as meias-finais, ao vencer o Nazarenos por 2-1, num encontro em que a formação de Paulo Cerejo dominou inteiramente o primeiro tempo e no segundo conseguiu suster o maior ímpeto dos visitantes.Os primeiros quarenta e cinco minutos pertenceram aos da casa, com oportunidades para marcar e tendo concretizado duas, por intermédio de Hélder Renato e André Monteiro, enquanto que o Nazarenos apenas uma oportunidade. Ao intervalo o resultado era inteiramente justo, dado o domínio exercido pelos da casa, ao longo do primeiro tempo. tAo intervalo, Joaquim Trindade tirou Vidinha e fez entrar Tiago, que trouxe mais alma à equipa. O Nazarenos foi uma equipa completamente diferente da que tinha sido na primeira parte e sem surpresa aos sessenta e cinco minutos chegou ao golo, por intermédio de Pedro Morais. O Maceirinha ficou ainda reduzido a dez elementos por expulsão de Gigas, mas conseguiu aguentar a pressão final do seu adversário, seguindo para as meias-finais com mérito e justiça.
Arbitragem irregular de Ricardo Martinho.
José Casemiro
(Retirado de www.oderbie.com)

domingo, março 23, 2008

S.C.L.Marrazes organiza com sucesso Torneio de Páscoa em escolinhas

Realizou-se este sábado, dia 22 de Março, no Parque de jogos do Sport Clube Leiria e Marrazes, o 1º Torneio da Páscoa de Escolinhas do mesmo clube, com a organização da Direcção e do seu Departamento de Futebol Juvenil.Marcaram presença 9 equipas deste escalão, tendo a organização do mesmo considerado como um sucesso. Aqui ficam os resultados e classificação final do torneio.
1ª FASE
GRUPO A:
SCL Marrazes “A" 2–1 Nazarenos
Nazarenos 4–3 Unidos
SCL Marrazes “A" 1–1 Unidos
-----
GRUPO B:
SCL Marrazes “B” 3–1 GD Guiense
Bombarralense 6–0 Guiense
SCL Marrazes “B” 3–2 Bombarralense
-----
GRUPO C:
SCL Marrazes “C” 0–4 U. Leiria
AC Marinhense 6–0 U. Leiria
SCL Marrazes“C” 0–7 AC Marinhense
-----
2ª FASE
GRUPO 1 DE APURAMENTO DOS 1º, 2º, 3º CLASSIFICADOS:
SCL Marrazes"A" 2–3 SCL MARRAZES "B"
SCL Marrazes "A" 0–1 Marinhense
SCL Marrazes "B" 1–3 Marinhense
-----
GRUPO 2 DE APURAMENTO DOS 4º, 5º, 6º CLASSIFICADOS:
Nazarenos 4–1 Bombarralense
Nazarenos 3–0 U. Leiria
Bombarralense 3–1 U. Leiria
-----
GRUPO 3 DE APURAMENTO DOS 7º, 8º, 9º CLASSIFICADOS:
Unidos 0–4 Guiense
Unidos 4–0 SCL Marrazes"C"
Guiense 0–1 SCL Marrazes "C"
-----
CLASSIFICAÇÃO FINAL:
1º AC Marinhense
2º S.C.L.Marrazes "B"
3º S.C.L.Marrazes "A"
4º Nazarenos
5º Bombarralense
6º U. Leiria
7º GD Guiense
8º Unidos
9º S.C.L.Marrazes "C"

sábado, março 22, 2008

GUIENSE DERROTADO NOS QUARTO DE FINAL DA TAÇA DISTRITAL

Campo das Cabecinhas, na Guia
Árbitro: Domingos Lavinha (AF.Leiria)

Guiense: Trindade; Sopas, Fabinho, Gabriel (Pedrito, 65’), Gonçalo Ramos, Tiago Silva, João do Touco, Bruno Martins (João Carlos, 87’), Joel, Rodolfo e Hugo Monteiro (Daniel Rosado, 75’)
Treinador: Rui Gama

Gaeirense: André Silva; Rui Ferreira, Dani, Zé Simões, Slevic (Trindade, 85’), Hermes, Camacho (Tiago Bernardino, 79’), Marco Oliveira (Chamuco, 58’), Palatino, Rijo e Norberto.
Treinador: Eduardo Silva

Marcadores: Palatino (56’).

O Gaeirense voltou hoje a surpreender e a eliminar uma equipa de um escalão superior, após já na primeira eliminatória ter eliminado o Beneditense. Contudo no jogo de hoje, os pupilos de Eduardo Silva foram felizes, dado que, pela frente encontrou um Guiense, muito pouco eficaz, mas isto não tira o mérito ao conjunto visitante.A formação visitante entrou melhor no encontro e nos primeiros vinte minutos teve maior ascendente no encontro. Só a partir desta altura é que o Guiense conseguiu reagir e até final do primeiro tempo, dispôs de duas boas oportunidades para marcar, por intermédio de Sopas e Joel. Ao intervalo o empate a zero bolas aceitava-se., embora penaliza-se os da casa, que tiveram mais oportunidades. No segundo tempo, ambas as equipas entraram com disposição atacante e aos dez minutos do segundo tempo, Palatino fez o único golo do encontro, num remate de meia-distância. O Guiense reagiu e poderia ter chegado ao empate ao minuto 73, quando Pedrito obriga André Silva a uma grande defesa. Até final e mais com o coração do que com a cabeça, os da casa tentaram chegar ao golo do empate, mas apesar das oportunidades desperdiçadas, o golo não surgiu e no final, festejou o Gaeirense.Domingos Lavinha realizou um trabalho irregular e com influência no resultado, ao não assinalar uma grande penalidade ao minuto 77 a favor do Guiense, por falta do guarda-redes André Silva sobre Joel. Para além de não ter assinalado grande penalidade, perdoou a expulsão do guarda-redes visitante.

Carlos Duarte (GD Guiense) : " Só pode haver má fé"

O homem forte do futebol do Guiense, Carlos Duarte, não escondeu o seu desagrado no final do encontro, pela arbitragem de Domingos Lavinha, que na sua opinião prejudicou o Guiense. O dirigente em declarações ao nosso site referiu que “O golo do Gaeirense surge de um lance, em que o guarda redes apanha a bola a fora de área e todos reclamamos, mas ele mandou seguir o jogo e depois, na sequência o jogador marca o golo, num bom remate.O Joel ia isolado e foi abalroado, era penaltie e expulsão do guarda-redes. Só pode haver má fé. Ele deu cinco minutos de desconto e só se disputaram três minutos”, salienta. O dirigente do Guiense salientou ainda que “ mandamos um ofício à AF.Leiria para não sermos apitados pelo Domingos Lavinha e hoje havia muitos árbitros disponíveis e tínhamos logo que calhar nós com ele. Não percebo como é possível esta situação” considera.

Jogo em atraso da 1ªDistrital/Sul

Resultado
Alfeizerense 2 - Santo Amaro 7(Fernando 3 , André Gil 2, Gonçalo e Rui César)
-----
Classificação
1º Gaeirense - 56 pontos
2º Atouguiense - 48 pontos

3ºPilado e Escoura - 46 Pontos
4ºS.L.Marinha - 46 Pontos
5ºGrap/Pousos - 45 Pontos
6ºOuteirense - 30 Pontos
7ºJuncalense - 29 Pontos
8ºUnidos - 29 Pontos
9ºSanto Amaro - 29 Pontos
10ºPraia da Vieira - 26 Pontos
11ºBoavista - 25 Pontos
12ºAlfeizerense - 12 Pontos
13ºTurquel - 11 Pontos
14ºNadadouro - 4 Pontos
15º Moitense - 2 Pontos
-----

“Vidro” demasiado duro para o líder


Campo do Tojal, em Picassinos.
Árbitro: Paulo Marques, de Leiria
Assistentes: Gracindo Vieira e Flávio Ferreira




Ao intervalo: 0-0
Golos: 0-1 por Silvestre, aos 115m.
Acção disciplinar: amarelos para Cláudio (10 e 70m), João (49m), Inácio (50 e 51m), Ruben (73m), Paulinho (87 e 109m), Márcio (88m), Paulo Neves (90m), Caça (97m), João Luís (100m), Silvestre (110m) e Silva (118m).

Vidreiros: Nuno Salgueiro; Daniel, João, Marrazes e Cláudio; Vitinho, Edgar (João Paulo, aos 45m), Inácio e Fragoso; Fábio (João Luís, aos 90m) e Dilson (Caça, aos 77m).Suplente não utilizado: Quedas.Treinador: Vítor Gato
GD Peniche: Hélio; Ferreira (Márcio, aos 63m), Ricardo Viola, Laranja e Rui João; Paulo Neves, Baba (Paulinho, aos 69m) e Vasco; Silva, Ruben (Silvestre, aos 84m) e Emanuel.Suplentes não utilizados: João Miguel, Vando, João Fernando e Marinho.
Treinador: Bastos Lopes
Num jogo em que o favoritismo ia para os líderes do campeonato, a equipa de Vítor Gato apresentou-se a querer discutir o resultado, procurando jogar de igual para igual. O conjunto “vidreiro”, com poucas opções no banco, surpreendeu pela positiva e coube-lhes mesmo os primeiros minutos de perigo, com um meio campo bem povoado e com Fábio e Dilson a tentarem abrir alguns espaços na defensiva visitante. Os homens da beira-mar respondiam e, ao minuto 7, dispõem da primeira oportunidade através de Silva que falha o remate para o golo, na sequência de um cruzamento de Ruben. A equipa parecia querer prometer, com rápidas transições da defesa para o ataque mas tudo não passou das intenções pois a equipa não conseguia entrar com perigo na área contrária, com muitos passes transviados.Para tal, não só contribuiu a boa organização defensiva local mas o bem povoado meio campo, onde raça e agressividade não faltavam. E aqui surge a outra dificuldade com que os homens de Bastos Lopes se tiveram de bater: a demasiada agressividade dos locais, por vezes a roçarem o extremo que poderia pôr e perigo a integridade física dos seus jogadores. E tudo isto perante a complacência do árbitro da partida que não esteve à altura do encontro no capítulo disciplinar. Não tendo autoridade nos momentos em que se impunha acabou por complicar mais tarde, não só com as expulsões mas também com as imensas discussões e quezílias a que os jogadores se permitiam. Mas voltando ao jogo, é justo que se diga que os locais, mantendo sempre dois homens mais avançados, a equipa ia espreitando o contra-ataque mas a defensiva penichense, sempre atenta, não permitia quaisquer veleidades. Numa toada de equilíbrio e sem situações flagrantes de golo, foi preciso esperar pelo minuto 30 para que os espectadores despertassem para o jogo e esquecessem o intenso frio que se fazia sentir. Primeiro é Fábio que, com um forte remate, assusta Hélio, e depois é Vasco que, com espaço, atira enrolado e ao lado da baliza de Nuno Salgueiro.A equipa penichense reassume o comando da partida, instala-se no meio contrário e cria, então, várias situações de perigo junto à área local. Mais velocidade na circulação de bola e antecipação em todos os lances e novas oportunidades de golo. Minuto 38, bom trabalho entre Paulo Neves e Ruben e este a escapar-se aos defesas mas a atirar ao lado. Aos 40m, Emanuel corresponde bem a cruzamento de Rui João e atira à trave. Um futebol mais prático e objectivo mas faltava a eficácia concretizadora, deitando por terra oportunidades que poderiam ter ditado, bem cedo, um outro resultado. Os rapazes de Picassinos suportaram essa pressão e conseguiram manter, até ao intervalo, o nulo no marcador.Após o descanso, os locais entram melhor, subindo no terreno na tentativa de incomodar a defensiva contrária mas tal não passou de meras intenções e tudo se complicaria ao minuto 51. Inácio reage mal à exibição do cartão amarelo e vê o segundo. A partir daí, o domínio do Peniche foi quase total, obrigando o técnico local a acertos nas marcações com o intuito de manter até onde pudesse a resistência da sua equipa, mantendo toda a entrega e abnegação. E pode dizer-se que o conseguiu, mesmo quando, com a expulsão de Cláudio, se viu reduzido a nove. Perante o domínio e superioridade do Peniche, a equipa local recuava mas mantinha a mesma concentração táctica. Bastos Lopes aposta tudo no ataque mas, à equipa, voltaria a faltar a pontaria nas várias oportunidades de que dispôs. Muitas oportunidades desperdiçadas e, como tal, alguma inquietação se apodera da equipa, baixando o nível do seu futebol no último quarto de hora mas disso não se aproveitaram os locais que apenas ao minuto 89 criam algum perigo junto à área de Hélio. Nos minutos finais, o líder esteve sempre mais perto da baliza contrária mas o resultado não se alteraria, obrigando ao período suplementar.E foi preciso esperar pelas horas extraordinárias para presenciar o sabor do golo, já que as expectativas, no que ao golo diziam respeito, tinham até aí saído defraudadas. E apesar de um ou outro fôlego dos homens da casa na procura do golo, o Peniche defendeu bem e tudo fez para chegar ao golo, que aconteceu ao minuto 115, após cruzamento de Márcio para Vasco que amortece para Silvestre que não perdoou. Morria aqui o sonho dos Vidreiros, ciente de que complicou a vida ao líder e agora há que lutar pelo objectivo do campeonato. O Peniche vence de forma justa, mas diga-se que era escusado sofrer tanto.Da arbitragem já se disse o essencial. Reconhecendo que não é fácil o trabalho dentro de campo também não é menos verdade que se de exigir maior rigor nos critérios disciplinares e, talvez, se pudessem evitar os excessos dos jogadores para bem do espectáculo. Neste capítulo haverá muito a rever.
José Monteiro, Peniche Online - desporto

terça-feira, março 18, 2008

Liga FDL/Sul - 22ªJornada

Melhores Marcadores/Liga FDL-Sul
1ºFélix(Pilado) - 27 Golos
-----
2ºPalatino(Gaeirense) – 21 Golos
-----
3ºMiguel (Grap/Pousos) - 16 Golos
-----
4ºNelo (Santo Amaro) e Zé Simões (Gaeirense) – 15 Golos
-----
6ºNelson (Grap/Pousos) ; Chamusco(Gaeirense) ; Ricardo Paulo(Praia da Vieira) - 10 Golos
-----
9ºLuis Lopes (Boavista) e Édi (Unidos) - 9 Golos
-----
10ºEdgar , Tiago Gomes e Valtinha(Atouguiense) ; Vilaça(Gaeirense) e Ricardo Mulato(Outeirense) ; Cadete (S.L.Marinha) - 8 Golos
-----
16º Eurico (Grap/Pousos) ; Telmo Mulato (Outeirense) ; Slevik (Gaeirense) - 7 Golos
-----
19º Guedes (Pilado e Escoura) ; Pedro Dinis(Santo Amaro) ; Dani , Rui Ferreira(Gaeirense) - 6 Golos
-----
23ºMiguel Águas (GD Atouguiense) ; Ricardo Lourenço(Santo Amaro) ; Joaosito (Grap/Pousos) e Olivério(Boavista) ; Mauro Leal(Praia da Vieira) ; João Vieira (S.L.Marinha) ; Figo(Unidos) - 5 Golos
-----
30º Marcelo(Gaeirense) ; Azenha e Renato(Pilado) ; Vando (Praia da Vieira) ; Telmo Gil , David e Neno (Outeirense) ; Tiago Faustino(Boavista) ; Vareta , TD e Confraria (S.L.Marinha) - 4 Golos

segunda-feira, março 17, 2008

Pilado vence Outeirense


Pilado e Escoura 4 - Outeirense 1


Jogo da 22ªJornada – 1ªDivisão Distrital/Sul
Campo de Jogos da SDR Pilado e Escoura
Árbitro – Carlos Brites


Pilado e Escoura – Espanhol , Paulito , Caminho , Sérgio (Cap.) , P.Franco , Pedro Fortunato , Karelho (Bruno Neto) , Orlando , Azenha , Guedes (Diogo Manteigas 60 min.) e Félix
Treinador – Zé Ricardo

Outeirense – Igor , Pailé (João Portugal 66 min.) , Brunito , Sandro Lavos , Chedas , Neno , Daniel(Toni Gil 60 min.) , Rui Lobo( Ricardo Mulato 60 min.) , Telmo Mulato (Cap.) , Jaime e Telmo Gil
Suplentes Não utilizados – Kewin e Rui Pires
Treinador – Rui Botas

Acção Disciplinar – Amarelos – Guedes (25 minutos) , Pailé ( 40 minutos) , Daniel ( 48 minutos) , Pedro Fortunato ( 50 minutos) , Félix (52 minutos) , Telmo Mulato (54 minutos) , Pedro Franco (60 minutos) , Diogo (63 minutos e 82 minutos). Vermelhos – Sandro Lavos ( 77 min. ) e Diogo Manteigas (82 min.)

Ao intervalo – 1/1

Golos – 1-0 Azenha(20 minutos) , 1-1 Telmo Gil(25 minutos) , 2-1 Félix(57 minutos) , 3-1 Guedes(60 minutos) e 4-1 Félix (80 minutos).

Depois de na jornada anterior ter consentido um comprometedor empate no Juncal, este encontro afigurava-se de bastante importância para o Pilado, que em caso de vitória poderia aproveitar a folga do Atouguiense nesta jornada e assim procurar aproximar-se dos lugares de subida. Mas não se afigurava fácil o jogo, pois o Outeirense também possui um boa equipa e sendo duas equipas de localidades vizinhas, as rivalidades são óbvias.
Assim , o jogo começou bastante equilibrado, com as duas a procurarem chegar com perigo às balizas adversárias, mas por esta altura as defesas superiorizavam-se sempre aos ataques. Até que aos 20 minutos, Azenha dá um pontapé na monotonia do jogo, e na concretização de um livre descaído para a direita, lances em que ele é um exímio finalizador, desfere um belo pontapé e inaugura o marcador para a equipa da casa. O Outeirense foi em busca da prejuízo , e no lance seguinte, Rui Lobo tem um belo trabalho, que finaliza com um remate , mas que não acerta na baliza de Espanhol. Mas aos 25 minutos, o Outeirense vai mesmo chegar ao golo do empate, lance na direita de Neno, cruzamento para o miolo da pequena área, onde á vontade e sem oposição Telmo Gil repõem a igualdade. Os homens do Pilado ficaram a reclamar uma possível falta sobre Guedes, no lance anterior ao cruzamento de Neno, mas tal não foi perceptível. Com o jogo empatado, as duas equipas reviram estratégias e voltamos a ter um jogo equilibrado, e sem grandes lances de perigo.
A 2ªparte começa na mesma toada, mas nota-se que o Pilado, tenta superiorizar-se e aos poucos começa a aproximar-se mais da baliza de Igor. Aos 50 minutos , num lance bastante confuso na área , Félix fica a protestar por uma grande penalidade, que na nossa opinião existiu mesmo, e o árbitro, duas vezes mal , acaba por o amarelar. Mas aos 57 minutos, o Pilado vai mesmo chegar ao 2-1, pelo inevitável Félix. Lance na esquerda, com Guedes a centrar para a área, onde Karelho com uma bela assistência põem a bola a mercê de Félix, que sem oposição , não facilitou. Pensava-se que o Outeirense ia reagir, mas 3 minutos depois, numa falha incrível da defesa do Outeirense, que isola o avançado do Pilado, Guedes faz o 3-1 e complica ainda mais a tarefa do Outeirense. Rui Botas tentou inverter o rumo das coisas e fez entrar os ofensivos Ricardo Mulato e Toni Gil, mas aqueles dois golos de rajada sofridos, tornaram as coisas muito complicadas. E mais complicadas ficaram quando aos 77 minutos, Sandro Lavos é expulso, depois de uma falta feia sobre Félix.
Assim, não foi de estranhar o 4ºgolo para o Pilado, aos 80 minuto, outra vez por Félix, mas desta vez o golo foi precedido de uma clara falta sobre um jogador do Outeirense, Jaime, que incrivelmente o árbitro não viu.
Daí até ao final do jogo poucas notas de registo, de realçar apenas a infantil expulsão de Diogo, e um bom lance de Ricardo Mulato na direita que culminou com um bom remate ao poste.
Vitória justa do Pilado, num jogo em que o Outeirense teve 10/15 minutos de descontrolo e onde sofreu dois golos infantis e onde viu um homem ser expulso.
Quanto a arbitragem, muito contestada pelos homens do Outeiro da Fonte, foi de facto bastante irregular, mas na nossa opinião com erros para os dois lados, dois dos quais graves, um para cada lado. Ficou um penalty por marcar contra o Outeirense e o 4ºgolo do Pilado é precedido de uma clara falta. Quanto á expulsão de Sandro, nada a dizer, é de facto uma entrada ao homem. Diga-se que os jogadores em nada facilitaram o trabalho do árbitro.

Nem sempre quem joga melhor ganha

GD Peniche 1-CD Pataiense 1

Estádio do Grupo Desportivo, em Peniche.
Árbitro: Luciano Gonçalves, de Leiria

GD de Peniche: João Miguel; Ferreira (Marinho, aos 70m), Laranja, Silvestre e Rui João (Silva, aos 57m); Paulo Neves, Vasco e Paulinho; Márcio (Vando, aos 82m), Ruben e Emanuel.
Suplentes não utilizados: Hélio, Ricardo Viola, João Fernandes e Baba.
Treinador: Bastos Lopes

CD Pataiense: Emanuel; Pedro Rosa, Telmo, Mesquita e João Costa; Dário (Celso, aos 60m), Pedro Jorge e Serrão; Bertolino, Nascimento e Kikó.
Suplentes não utilizados: Celso, Gatuso, Osvaldo, Picamilho, Manó e Fred.
Treinador: José Carlos

Marcadores: 0-1 por Serrão, aos 26m; 1-1 por Silva, aos 90+5m.
Acção disciplinar: amarelos para Silvestre (41m), Telmo (52m), Nascimento (54m), Vasco (56m), Emanuel (61m), Silva (65m), João Costa (66m), Serrão (74m), Ruben (88m) e Laranja (90m).
O futebol tem destas coisas: nem sempre a equipa que joga melhor consegue vencer. O Peniche realizou uma das suas melhores exibições, tendo um domínio total de jogo, nada fazendo prever um desfecho tão penalizador. E foi já em período de compensação, quando o adversário se preparava para festejar a vitória, que Silva empurrou para o golo do empate. É verdade que a formação comandada por Bastos Lopes teve tudo a seu favor para vencer o encontro mas há outras incidências do jogo que nos permitem afirmar que o empate se aceita. Primeiro, o Pataiense apresentou-se com um futebol de contenção, muito organizado, com determinação e colectivismo, apostando apenas e só no erro adversário e com resultados positivos. Na primeira parte, na primeira e única vez que vão à baliza de João Miguel marcam e, depois, no último quarto de hora poderiam ter cimentado a vitória por duas vezes. Depois, nota máxima para o guardião Emanuel, o melhor em campo, defendendo tudo até onde pôde. Quanto aos locais, a falta de sorte em excesso na finalização foi determinante a que se associou um demasiado “anti-jogo” por parte dos visitantes que se dispensava e era desnecessário.Efectivamente, os pupilos de Bastos Lopes entraram balanceados ao ataque, procurando contrariar a estratégia de contenção adversária, mostrando vontade de jogar futebol apoiado, com princípio, meio e fim. Velocidade na circulação de bola, antecipação em todos os lances e criação de situações perigosas junto da área. Todavia, as muitas oportunidades flagrantes de golo com o guardião a evitar o que parecia impossível. A par das suas boas intervenções, o guardião ainda veria a bola embater no poste por duas vezes. Uma falta de eficácia concretizadora que deita por terra uma mão cheia de oportunidades que poderiam ter ditado, bem cedo, um outro resultado. E esta superioridade só foi contrariada aos 26m, numa falha defensiva, bem aproveitada por Serrão, que marcou o desfecho final.Na segunda parte, os locais reentraram dispostos a alterar cedo o rumo dos acontecimentos e, nos primeiros quinze minutos, voltaram a dominar por completo a partida com a equipa visitante a recuar mas a manter a mesma concentração táctica. Bastos Lopes aposta tudo no ataque, com as alterações introduzidas mas à equipa voltaria a faltar a pontaria nas várias oportunidades de que dispôs. Com os locais balanceados no ataque, começam a surgir os espaços aos visitantes que poderiam ter matado o jogo, por Bertolino, aos 81m. Nos minutos finais, a pressão local acentuou-se com a equipa a acreditar até ao final, vindo a ser premiada com o golo de Silva.Arbitragem irregular.

José Monteiro, Peniche Online – Desporto

domingo, março 16, 2008

AC Avelarense vence e reentra na luta

Avelarense 2-GD Guiense 1
Parque de Jogos Manuel Antunes Pintassilgo, Avelar
Arbitragem: João Ricardo Mendes, auxiliado por Pedro Neves e Marco Silva

AC AVELARENSE: João Pedro; Estarola, Sardinha, Eduardo e Silveiro; Luís Borges, Eddy (Boavida, 35’), Neto (Laranjas, 90’) e Pedro Almeida; Rafael (Tito, 87’) e Pedro Jacob (cap.).
TR: FERNANDO SILVA
Não utilizados: Michael, Sérgio, Paulo e Diogo.
.
GD GUIENSE: Trindade; João do Toco, Gonçalo (cap.), Gabriel e Tiago Silva (João Vasco, Int.); Hugo Monteiro, Bruno Martins e João Carlos; Fabinho, Pedrito e Joel.
TR: RUI GAMA
.
Não utilizados: Prancha, João Pedro e Daniel.
Golos: 1-0, Pedro Jacob (13’); 2-0, Neto (26’); 2-1, Pedrito (55’).
.
Foi um jogo intenso aquele que se disputou em Avelar. Os da casa entraram em campo com a lição bem estudada, pressionando o portador da bola e logo ao minuto 13 adiantaram-se no marcador. Canto curto, bola centrada por Estarola e Pedro Jacob a desviar em plena pequena área para o fundo das redes.Marcar na primeira oportunidade foi um tónico excelente para os comandados de Fernando Silva, mas o Guiense ripostou de imadiato. Boa jogada de envolvimento e Bruno Martins a rematar com perigo mas ao lado.O jogo estava entretido com ambas as equipas a jogarem ao primeiro e segundo toque, o que fazia a partida fluir a um ritmo assinalável.Até que aos 26’ os locais aumentam a vantagem. O ‘miolo’ do Avelarense, sempre muito pressionante, recupera a bola e Pedro Almeida endossa-a a Neto, que isolado, a desvia com classe de Trindade.Os guienses só de bola parada iam chegando à área contrária, como foi o caso aos 35’, quando Hugo Monteiro surge solto ao segundo poste e falha por milímetros a cabeçada. Ele e Gonçalo, sempre perigosos neste tipo de lances, foram no entanto bem vigiados.Na segunda metade o Guiense surgiu transfigurado, assumindo o jogo e remetendo o Avelarense para o seu meio-campo. O pressing resultou no golo aos 55’. A jogada é de Joel, que ganha a linha e centra, com Pedrito a aproveitar um alívio deficiente para bater João Pedro.Os locais abanaram e por momentos pareciam perdidos em campo, perturbados pela dinâmica dos pupilos de Rui Gama. Aos 65’ João Vasco cruza para Fabinho, mas João Pedro nega a igualdade. Aos 75’ João Carlos atira ao lado num livre perigoso.Até que aos 80 surge o ponto negro da partida com um sururu entre jogadores e troca de agressões. O árbitro entendeu expulsar Pedro Almeida (que esteve inconsciente e foi transportado ao hospital), João Vasco e João Pedro (que aquecia no local). Um momento deplorável de ambas as equipas, em que o árbitro tentou ser ‘salomónico’. Alguns cartões ficaram por mostrar e Trindade, foi seguramente um dos que merecia expulsão.Reatado o jogo ainda houve tempo para duas oportunidades. Primeiro Pedrito bate um livre directo para boa defesa de João Pedro e depois Silveiro remata forte, a rasar o poste.O resultado premeia a boa primeira parte do Avelarense, cuja maior eficácia veio ao de cima. O Guiense é melhor conjunto, mas neste jogo não esteve ao seu nível.João Mendes esteve impecável ao nível técnico, mas no capítulo disciplinar deixou a desejar, muito embora os jogadores não lhe tenham facilitado a vida.
Marco Marques (www.jhorizonte.com)

Igualdade premeia o labor das equipas

Marrazes 0-Vieirense 0
Jogo no Parque Desportivo do SCL Marrazes.
Árbitra: Márcia Pejapes.
Assistentes: Carlos Frazão e Domingos Miguel.
SCL Marrazes: Gonçalo; Parreira, Sandro (cap.), Braz e Ruben; Marco; Miguel e Fernando; Seco (Luís Bocas, 50 m), Diogo Jorge (Telinho, 89 m) e Alberto.
Jogadores não utilizados: Cacola, Pedro Amado, Rochita, Tiago e Bruno.
Treinador: António Paiva.

Vieirense: João Ramusga; Léo, Gata (cap.), Daniel e Pedro Rodolfo (Rogério Batalha, 69 m); Parreira e João Duarte; João Leal e Luís Simões (Vladimir, 87 m); Hugo Neto e João Pinto.
Jogadores não utilizados: Costinha, Nuno Rodrigues, William e Roberto.
Treinador: Rogério Batalha , Gata e Daniel
Acção disciplinar: cartão amarelo a Sandro (28 m), João Duarte (61 m) e Bocas (71 m). Cartão vermelho directo a Marco (56 m).
Marrazes e Vieirense estavam separados por três pontos antes deste clássico regional, com vantagem para a equipa de Vieira de Leiria, e assim ficou após um jogo não muito rico tecnicamente, mas disputado com grande empenho por todos os intervenientes.Começou melhor a equipa de António Paiva que se mostrou mais pressionante, beneficiando mesmo de alguns cantos, embora sem criar perigo.Foi o Vieirense que no contra-ataque e mercê do seu futebol mais directo, aos cinco minutos teve soberana oportunidade de abrir o activo. Hugo Neto (na foto) isolou-se e à entrada da área só com Gonçalo na frente rematou a bola defeituosamente ao lado. Aos 10 minutos foi a vez de Daniel rematar forte, mas a bola passou por cima da barra.Só aos 11 minutos a equipa da casa rematou através de Miguel, mas a bola saiu fraca e João Ramusga defendeu sem dificuldade.Entrou-se numa fase em que o jogo era repartido, sem grandes lances de perigo, com os defesas a levarem a melhor sobre os avançados e onde pontificava o experiente Gata, um dos elementos da equipa técnica visitante, ele que viria a ser o melhor jogador em campo. Os lances de maior perigo das duas equipas aconteceram através de livres, aos 29 minutos por João Leal (Vieirense) e aos 44 por Marco (Marrazes) mas a bola passou ao lado de uma de outra baliza.No segundo tempo cedo o Marrazes ficou reduzido a 10 unidades por expulsão de Marco (56 minutos) que foi incorrecto para a internacional Márcia Pejapes e o jogo entrou numa fase em que o futebol por vezes era jogado aos repelões. Mas Luís Bocas aos 56 minutos após a marcação de um canto atirou para facturar, mas João Duarte quase em cima da linha da sua baliza evitou que a redondinha entrasse, com Diogo Jorge a entrar também no lance e por fim Parreira que enviou a bola ao lado da baliza adversária. Foi um lance perigoso dos anfitriões como foi outro aos 82 minutos com Luís Bocas a enviar de cabeça a bola por cima da barra após a marcação de um canto.O Vieirense só aos 82 minutos através do experiente Rogério Batalha, criou grande perigo na área marrazense, mas em termos práticos o zero manteve-se.Excelente arbitragem da internacional Márcia Pejapes, que contou com a colaboração de outro internacional de futebol de praia, Carlos Frazão, e do sóbrio Domingos Miguel.
-----
A opinião dos treinadores:
António Paiva (Marrazes): “Resultado que se aceita, embora tivéssemos ficado condicionados após a expulsão do Marco. Embora jogássemos muito tempo com menos um jogador, não se notou nenhum ascendente do Vieirense. Sobre a arbitragem só a expulsão me deixa algumas dúvidas ”, declara.
Rogério Batalha (Vieirense): “O nosso objectivo era pontuar para não deixar o Marrazes juntar-se a nós. Conseguimos e julgo que o empate está certo. Os jogadores do Vieirense estão de parabéns pela entrega ao jogo que revelaram e a arbitragem esteve em grande nível”, remata.

22ª Jornada - Divisão de Honra - Resultados e Classificação

Resultados:
Avelarense 2(Pedro Jacob e Neto) - GD Guiense 1 (Pedrito)
Ansião 2 - Fig.Vinhos 2
SCL Marrazes 0 - Vieirense 0
Maceirinha 0 - Biblioteca 0
Nazarenos 4 (Fabinho, Rui Codinha, Pedro Morais e Zé Cibreiros) - Alvaiázere 2 (Likas e Pedro)
Alq. Serra 0 - Beneditense 1 (Dário)
Pedroguense 3 - Vidreiros 0
GD Peniche 1(Silva) - CD Pataiense 1 (Serrão)
-------
Classificação:

1ºGD Peniche - 58 Pontos
2ºNazarenos - 49 Pontos
3º CD Pataiense - 42 Pontos
4º GD Guiense - 41 Pontos
5ºBeneditense - 37 Pontos
6ºAlq. da Serra - 30 Pontos
7º Maceirinha - 29 Pontos
8º Ansião - 29 Pontos
9ºVieirense - 27 Pontos
10ºBiblioteca - 26 Pontos
11ºFig.Vinhos - 25 Pontos
12ºS.C.L.Marrazes - 24 Pontos
13ºAvelarense - 22 Pontos
14ºGD Alvaiázere - 19 Pontos
15ºPedroguense - 17 Pontos
16º Vidreiros - 15 Pontos
-----

22ªJornada - 1ªDistrital/Norte - Seniores

Resultados
AD Ranha 1 - Arcuda 1
Ilha 0 - Simonenses 0
Caseirinhos 0 - Motor Clube 0
Moita do Boi 1 - Cast. de Pêra 0
Carreirense 0 - Pelariga 1
GAU/Bajouca 1 - Casal Novo/Monte Redondo 2
Ramalhais 4 - Pousaflores 0
Matamourisca 1 - AR Meirinhas 1
-----
Classificação
1º Meirinhas - 58 Pontos (-1 jogo)
2º Ilha - 49 Pontos
3º GD Pelariga - 44 Pontos
4º Moita Boi - 44 Pontos
5º Arcuda - 38 Pontos
6º AD Ranha - 34 Pontos
7º M. Mourisca - 33 Pontos(-1 jogo)
8º Cast. Pêra - 31 Pontos
9º Carreirense - 28 Pontos
10º Casal Novo - 28 Pontos
11º Pousaflores - 25 Pontos
12º Ramalhais - 22 Pontos(-1 jogo)
13º GAU/Bajouca - 20 Pontos (-1 jogo)
14º Caseirinhos - 15 Pontos
15º Simonenses - 11 Pontos
16º Motor Clube - 6 Pontos

sábado, março 15, 2008

Leiria e Marrazes vs ID Vieirense

Época de 1975-76, a primeira do IDV na 3º Divisão Nacional e também a única e última vitória do Vieirense no campo dos Marrazes, já lá vão 32 anos.
A jornada 22 junta estes dois clubes clássicos num jogo clássico da região de Leiria. A diferença pontual entre ambos é de 3 pontos a favor do IDV (26 contra 23), os lugares na tabela revelam maior intranquilidade da equipa que joga em casa, L&M, que ocupa o 12º lugar contra o 9º lugar dos visitantes.

1967-68....0-0
1968-69....6-1...L Marrazes
1969-70....5-0...L Marrazes
1970-71....---
1971-72....---
1972-73....---
1973-74....---
1974-75....---
1975-76....1-2...Vieirense
1976-77....1-0...L Marrazes
1977-78....---
1978-79....---
1979-80....1-1
1980-81....0-0
1981-82....3-2...L Marrazes
1982-83....2-0...L Marrazes
1983-84....---
1984-85....1-1
1985-86....2-2
1986-87....---
1987-88....2-0...L Marrazes
1988-89....---
1989-90....---
1990-91....---
1991-92....---
1992-93....---
1993-94....---
1994-95....---
1995-96....---
1996-97....1-1
1997-98....---
1998-99....1-1
1999-00....1-0...L Marrazes
2000-01....2-2
2001-02....2-1...L Marrazes
2002-03....1-0...L Marrazes
2003-04....0-0
2004-05....---
2005-06....4-0...L Marrazes
2006-07....---

22ªJornada - 1ªDistrital/Sul - Seniores

Resultados
Alfeizerense 0 - Unidos 4(Figo 2, Wilson e Sérgio Paulo)
Santo Amaro 1 (Fernando) - Gaeirense 3 (Chamusco e Palatino 2)
Praia da Vieira 2(Ricardo Paulo e Mauro Leal) - Grap/Pousos 1
Moitense 0 - S.L.Marinha 2(Vando e João Vieira)
Nadadouro 1 - Boavista 2(Isac e Luis Lopes)
Turquel 0 - Juncalense 1
Folgou - Atouguiense
-----
Classificação
1º Gaeirense - 56 pontos
2º Atouguiense - 48 pontos
3ºPilado e Escoura - 46 Pontos
4ºS.L.Marinha - 46 Pontos
5ºGrap/Pousos - 45 Pontos
6ºOuteirense - 30 Pontos
7ºJuncalense - 29 Pontos
8ºUnidos - 29 Pontos
9ºPraia da Vieira - 26 Pontos
10ºSanto Amaro - 26 Pontos
11ºBoavista - 25 Pontos
12ºAlfeizerense - 12 Pontos
13ºTurquel - 11 Pontos
14ºNadadouro - 4 Pontos
15º Moitense - 2 Pontos
-----

15ªJornada - 1ªDivisão Distrital - Iniciados

-----
-----
Zona Centro
Resultados
Grap/Pousos B 1 - Maceirinha 1 (João Rui)
-----
-----
Zona Sul
Resultados
CD Pataiense 3 - A-dos-Francos 2
-----

13ªJornada - 1ªDivisão Distrital - Juvenis

Zona Norte
Resultados
Ilha 0 - Pedroguense 6
GD Guiense 4 - Matamourisca 0
Pelariga 2 - Ranha 5
Fig.Vinhos 1 - Arcuda 6
Folgou - Avelarense
-----
-----
Zona Centro
Resultados
Monte Real 0 - S.L.Marinha 1 (Moita)
Santo Amaro 0 - S.C.L.Marrazes 4
AC Marinhense 7 - Soutocico 1
Bidoeirense - UD Batalha (Adiado)
Golpilheira 2 - ACR Maceirinha 0
-----
Classificação
1ºAC Marinhense - 34 Pontos
2ºSCL Marrazes - 34 Pontos
3ºSL Marinha B - 30 Pontos
4ºSoutocico - 24 Pontos
5ºBidoeirense - 20 Pontos
6ºGolpilheira - 20 Pontos
7ºMonte Real - 16 Pontos
8ºUD Batalha - 15 Pontos
9ºACR Macerinha - 3 Pontos
10ºSanto Amaro - 3 Pontos
-----
-----
Zona Sul
Resultados
Turquel 1 - AC Marinhense B 5
Caldas SC B 2- Portomosense 2
U.Mirense 0- Biblioteca 1
CD Pataiense 0 - GD Peso 5
Alcobaça 3 - Ramalhosa 0
-----

16ªJornada - Divisão de Honra - Iniciados

Resultados
G.Alcobaça 2 - GD Peniche 0
U.Leiria B 1- Nazarenos 0
Biblioteca 0 - UD Serra 1
SCL Marrazes 2 - Grap/Pousos 0
Portomosense 1 - Sp.Pombal 0
Beneditense 3 - Bombarralense 0
-----
Classificação
1ºBeneditense - 42 Pontos
2ºNazarenos - 32 Pontos
3ºSp.Pombal - 30 Pontos
4ºSCL Marrazes - 27 Pontos
5ºU.Leiria B - 25 Pontos
6ºPortomosense - 23 Pontos
7ºGrap/Pousos - 19 Pontos
8ºG.Alcobaça - 19 Pontos
9ºGD Peniche - 18 Pontos
10ºUD Serra - 15 Pontos
11ºBiblioteca - 11 Pontos
12ºBombarralense - 9 Pontos
-----

14ªJornada - 1ªDivisão Distrital - Juniores

Zona Norte
Resultados
CC Ansião 1 - Alvaiázere 0
Moita Boi 0 - Motor Clube 1
Fig. Vinhos - Ramalhais (Adiado)
Pelariga - Cast. Pêra (Adiado)
Arcuda 2 - Guiense 0
Folgou - Bajouca
-----
Classificação
1ºArcuda - 33 Pontos
2ºMotor Clube - 33 Pontos
3ºGuiense - 25 Pontos
4ºCast. Pêra - 24 Pontos
5ºRamalhais - 21 Pontos
6ºGD Pelariga - 20 Pontos
7ºFig. Vinhos - 15 Pontos
8ºMoita Boi - 13 Pontos
9ºCC Ansião - 13 Pontos
10ºGD Alvaiázere - 10 Pontos
11ºGAU/Bajouca - 4 Pontos
-----
-----
Zona Sul
Resultados
UD Serra 3 - UD Batalha 1
GD Atouguiense 0 - Parceiros 1
GD Peso - GD Peniche (Adiado)
São Guilherme 1 - Pilado e Escoura 2
CD Pataiense 1 - ACR Nadadouro 3
Folgou - Alq.Serra
-----
Resultados
1ºUnião Serra - 38 Pontos
2ºBatalha - 29 Pontos
3ºNadadouro - 27 Pontos
4ºGD Atouguiense - 24 Pontos
5ºPilado e Escoura - 22 Pontos
6ºCD Pataiense - 18 Pontos
7ºGD Peniche - 16 Pontos
8ºAlq. Serra - 15 Pontos
9ºParceiros - 13 Pontos
10ºGD Peso - 8 Pontos
11ºS. Guilherme - 0 Pontos

16ªJornada - Divisão de Honra - Juvenis

Resultados
GD Nazarenos 3 - Gaeirense 2
SP.Pombal 1 - Caldas SC 4
Bombarralense 2 - Beneditense 3
GD Peniche 2 - UD Serra 0
G.Alcobaça 0 - U.Leiria B 0
Vieirense 5 - Grap/Pousos 0
-----
Classificação
1ºCaldas SC - 40 Pontos (- 1 Jogo)
2ºU.Leiria B - 31 Pontos (- 1 Jogo)
3ºGaeirense - 26 Pontos
4ºG.Alcobaça - 25 Pontos
5ºBeneditense - 24 Pontos
6ºNazarenos - 23 Pontos
7ºUD Serra - 21 Pontos
8ºVieirense - 21 Pontos
9ºGrap/Pousos - 17 Pontos
10ºSp.Pombal - 13 Pontos
11ºGD Peniche - 10 Pontos
12ºBombarralense - 1 Ponto

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Wook