Booking.com

sexta-feira, outubro 31, 2008

Jogos e árbitros da 1ªEliminatória da Taça Distrital

Gaeirense - Nazarenos (Sandro Soares)
Óbidos SC - Bombarralense (Romão Santos)
SL Marinha - Pilado (Carlos Brites)
Alegre Unido - GC Alcobaça (Leandro Siopa)
CD Pataiense - Alqueidão da Serra (Rui Figueiredo)
Castanheira de Pera - Bidoeirense (Nuno Rodrigues)
Motor Clube - ID Vieirense (Pedro Martins)
Ranha - Pelariga (Vera Costa)
ACR Maceirinha - Vidreiros (Paulo Marques)
Valcovense - Caranguejeira (Ricardo Martinho)
Arcuda - Moita do Boi (Quintino Ribeiro)
Caseirinhos - Guiense (Carlos Francisco)
CD Moitense - Grap/Pousos (André Duarte)
GD Ilha - Beneditense (Rudy Silva)
Casal Novo - AD Figueiró dos Vinhos (Luis Dionisio)
Meirinhas - SCL Marrazes (Márcio Ferreira)
CDR Outeirense - GD Alvaiázere (Rudolfo Deyllot)
CC Ansião - Matamourisquense (Inês Ferreira)
Boavista - Biblioteca (Carlos Frazão)
Simonenses - Praia da Vieira (Luis Marcelino)
Ramalhais - Pedroguense *
Pousaflores - Portomosense *
AC Avelarense - GD Santo Amaro *
* Estes árbitros pertencem à Associação de Futebol de Castelo Branco, pelo que não nos foi possivel mencionar os nomes.

Melhores Marcadores da Divisão de Honra

Melhores Marcadores / Divisão de Honra
1ºPimenta (Alq. da Serra) -6 Golos
Félix (Pilado) - 5 Golos
3ºDiogo Jorge (Marrazes) , Palatino (Bombarralense) , Miguel Belo (Beneditense) , Ricardo Mafra (Nazarenos) e Edgar Grincho (Bombarralense) - 4 Golos
8ºHenrique (GC Alcobaça ) - 3 Golos
-----

quinta-feira, outubro 30, 2008

Justo mas exagerado

Estádio Municipal do Bombarral
Árbitro: Ricardo Martinho (AF.Leiria)

BOMBARRALENSE 4: Luís Paulo; Fifi ( Edgar Grincho, 45’), Edgar Garcia, Paulo Rossas e Bessa; Bruno Antunes (Palatino, 45’), Serginho e David Dias; Anderson, Ivonilson (Morgadinho, 60’) e Valtinha.
Treinador: Rui Almeida

ILHA 1: Bruno; Cláudio (Nuno Pereira, 85’), Gil Pinto, Pedro e Micas; Miguel Couto, Marco Fernandes (Vasco, 75’), Rui Pedro; Gil Fernandes (Luís Fernandes, 60’), Milton e Faria.
Treinador: Hélder Pereira

Marcadores: Anderson (17’) e 82’), Rui Pedro 30’), Edgar Grincho (50’), Serginho (88’)

A Ilha continua sem conhecer o sabor da vitória na divisão de Honra. No passado domingo mais uma derrota, desta vez diante do Bombarralense por 4-1. O resultado é exagerado, até porque a formação de Hélder Pereira ofereceu uma boa réplica.A formação de Rui Almeida entrou bem na partida e aos dezassete minutos Anderson inaugurou o marcador. Doze minutos depois, Rui Pedro estabeleceu a igualdade no encontro. Até ao intervalo o resultado não se alterou, apesar do domínio da turma da casa, mas que não conseguia criar grandes situações de golo.No segundo tempo, a toada de jogo não se alterou e a formação de Rui Almeida continuou a deter o controlo do encontro. Foi sem surpresa que Edgar Grincho aos cinco minutos do segundo tempo passou o Bombarralense para a frente do marcador. Até final mais dois golos para os da casa, por intermédio de Anderson e Serginho, estabelecendo o resultado final em 4-1.Boa arbitragem de Ricardo Martinho.

JORNAL O ECO

terça-feira, outubro 28, 2008

Meirinhas conquista primeira vitória

AR Meirinhas 2-GC Alcobaça 1

Campo António Mota Assis, Meirinhas.
Árbitro: Carlos Frazão, auxiliado por António Nobre e João Oliveira, do C.A. da A.F. Leiria.

AR Meirinhas: Ivo; Gonçalo, Coimbra; Hugo Roda e Zé Carlos; Milton, Cláudio (Joãozito, 77’) e Zé Luís; Ricardo Tiago, André Neves (Edgar, int.) e Tiago Santos (Santana, 80’).
Treinador: Paulo Silva.

GC Alcobaça: Victor; Bruno, Ricardo, Silva (cap.) e Élio; Hélio, Marquinhos (Gonçalo, 86’), Nuno Coelho e Fábio (Nuno Sousa, 80’); Henrique e Marco Alves (David, 65’).
Treinador: Gonçalo Raimundo.

Ao Intervalo: 0-1.
Golos: 0-1 (Nuno Coelho, 37’); 1-1 (Ricardo Tiago, 58’) e 1-2 (Milton, 90’).
Disciplina: Cartão amarelo a Zé Carlos (95’), Milton (90’) e Ricardo Tiago (69’); Nuno Coelho (86’).Cartão vermelho a Nuno Sousa (94’).

Num jogo em que a equipa das Meirinhas recebia um dos candidatos aos lugares cimeiros da classificação, o Alcobaça que na época anterior disputou o nacional da 3ª divisão, o resultado foi uma vitória da equipa pombalense pela margem mínima, a primeira da equipa de Paulo Silva na presente época. A primeira parte foi dominada pelo Ginásio de Alcobaça que entrou mais forte no jogo e além de ter dominado conseguiu chegar ao golo aos 37’ por intermédio de Nuno Coelho, na sequência de uma boa jogada desenrolada pelo lado direito do ataque alcobacense, e numa altura em que a turma de Gonçalo Raimundo já tinha ameaçado as redes da baliza da equipa da casa. Ao intervalo a vantagem ajustava-se, uma vez que durante os primeiros 45’, o Alcobaça foi mais forte. Na segunda parte esperava-se a reacção da equipa de Meirinhas, o que acabou por acontecer. Aos 58’, Ricardo Tiago rematou á entrada da área e bateu Victor pela primeira vez, relançando o jogo e aumentando a pressão sobre os homens de Alcobaça que, com o golo sofrido mostraram maiores dificuldades da circulação de bola, muito por mérito da forma “aguerrida” como se batia o seu adversário. Com o empate no marcador a equipa de Paulo Silva passou a actuar mais em contra-ataque enquanto que o Ginásio de Alcobaça aumentava a pressão, sem no entanto conseguir chegar ao golo. Quem voltou a balançar as redes foi Milton, aos 90’, a concluir com êxito uma bonita triangulação do ataque meirinhense, fixando o resultado final em 2-1 que deu a primeira vitória à equipa da casa. No final uma vitória que abre boas perspectivas para o futuro próximo da equipa das Meirinhas, num jogo que em que Carlos Frazão realizou uma boa arbitragem.

Filipe Ruivo -O Derbie

Edgar Pereira é o novo técnico da equipa sénior do Marrazes

Edgar Pereira sucede a António Paiva na liderança da equipa sénior do Marrazes que disputa a Divisão Distrital de Honra.Depois de um trio de atletas ter orientado a equipa marrazense no passado domingo em jogo a contar para a sexta jornada da prova e vencido (1-0) o Gaeirense, a direcção liderada por Carlos Valente optou por escolher um homem da casa, que anteriormente dirigia a equipa de juniores.Edgar trabalhará com Bruno Clemente, também guarda-redes do clube e Paulo Freitas que já trabalhava com o Edgar na equipa de juniores.Carlos Valente afirmou ao Diário de Leiria que pesou na escolha o facto de Edgar ter tido uma carreira de atleta prestigiante "foi internacional júnior, jogou com o Figo na equipa do Sporting e na selecção de juniores. Como jogador sénior vestiu a camisola do Sporting, Estoril, Olhanense e terminou a carreira na Caranguejeira, então na III Divisão Nacional. Teve muitos técnicos famosos e como exemplo dou-lhe os de Carlos Queirós, Fernando Santos, Fernando Mendes, José Peseiro, Nelo Vingada, Mladenov e tantos outros", lembra."Já tem algum traquejo, treinava a nossa equipa de juniores e tem o perfil idealizado por nós, pois revela grande serenidade, ambição e julgo que merece uma oportunidade da Direcção do clube onde ele começou a sua bonita carreira desportiva", conclui o presidente Carlos Valente.
"Não esperava chegar tão cedo ao escalão sénior"
O novo treinador que começa hoje a trabalhar sente-se lisonjeado por ter sido o escolhido para substituir António Paiva. "Não esperava chegar tão cedo ao futebol sénior. Treinei a equipa de juvenis e esta temporada comecei por orientar os juniores. Sinto-me com capacidade para enfrentar este desafio e se não a tivesse não tinha assumido o compromisso. Julgo até que capacidade todos têm, poderão é não ter a pontinha de sorte sempre necessária e que eu a espero ter", começou por afirmar Edgar Pereira ao Diário de Leiria.Sobre o valor da equipa "julgo que é equilibrada em todos os sectores e assumo este projecto porque verifico que há potencial, daí tornar-se mais fácil para que o trabalho saia em condições e possamos atingir o objectivo traçado que é ficar entre os cinco lugares cimeiros", conclui optimista o novo técnico marrazense.
Tuna Caranguejeiro - Diário de Leiria

segunda-feira, outubro 27, 2008

AD Portomosense goleia Nazarenos

Nazarenos 0 - AD Portomosense 4Nazarenos: João Carlos, Bruno Vidinha, Rui Hilário, Nuno Robalo, Luis Mendes, Álvaro (8' Pedro Morais), Hugo Pereira (45' Cristiano), Fabinho, Tiago Domingos, Rui Codinha, Ricardo Mafra (82' Cláudio Mafra)
Cartões Amarelos: Nuno Robalo (26' e 69'), Pedro Morais (75')
Cartões Vermelhos: Nuno Robalo (69')

Portomosense: Sérgio, Gigas, Pedro Órfão, Morgado, Paulo, René, Miranda, Bruno Francisco (57' Joel), Jackson, Elton, (74' Hugo Almeida), Ferraz (62' Juliano)
Cartões Amarelos: Jackson (12'), Elton (31')
Marcadores : Elton (5'), Joel (70'), Jackson (78'), Miranda (80')
No passado domingo, a equipa de Porto de Mós deslocou-se ao Estádio Municipal da Nazaré para um "tira-teimas" com o seu adversário mais directo na classificação da divisão de honra da AFLeiria. Esperava-se um jogo renhido e emocionante. O golo da formação Portomosense surgiu cedo - aos 5 minutos - através de Elton e até ao intervalo o resultado poderia ser outro não fosse as intervenções do guarda-redes João Carlos ou a escassa pontaria nesta 1ª parte. No minuto 17' surge um livre frontal a favor da turma nazarena, mas a bola saiu directamente contra a barreira.
Aos 28' Bruno Francisco (neste jogo alinhou a extremo) centra para Jackson que estava bem posicionado na área, mas o nº17 rematou à figura. A equipa da casa quis mostrar o porquê de também estar em 1º lugar e tentou criar algum perigo para a baliza de Sérgio tirando partido dos lances de bola parada, mas a finalização foi sempre àquem do necessário. A melhor oportunidade para a equipa de Zé Carlos virar o marcador surgiu ao minuto 39, num lance contestado pelo Portomosense: Gigas ficou estendido no chão queixando-se de uma cotovelada. Rui Codinha ao ver que o árbitro nada assinalou, seguiu com a bola para a área e cruzou para Tiago Domingos mas este desperdiçou cabeceando para fora. Até ao intervalo o resultado manteve-se, adivinhando-se uma 2ª parte bem disputada.
Para o segundo tempo, Zé Carlos alterou o esquema táctico da equipa para um 4x4x2 mas pouco eficaz já que esta mudança não trouxe a lufada de ar fresco que a turma Nazarena necessitava. As jogadas de ataque por parte do Portomosense começaram a "chover" e o cruzamento de Miranda aos 67' para Jackson faz parte dessa estatística, mas o Cabo-Verdiano estava a ter uma tarde infeliz e rematou de novo para as mãos de João Carlos. Dois minutos depois na sequência de uma falta feia sobre o adversário, Nuno Robalo acabou por ver o segundo amarelo e ser expulso da partida ficando a sua equipa ainda mais vulnerável. Com um meio campo "fresquinho" e boas movimentações tácticas, o segundo golo da partida não tardou e ao minuto 70', Joel aumentou a vantagem para 2-0. As poucas jogadas de ataque que surgiram dos pés dos Nazarenos foram "fuziladas" pela defesa Portomosense onde constavam os experientes Pedro Órfão e Morgado. A equipa da casa quase "não respirava", tal era o ritmo de jogo implementado pelo seu adversário. Ritmo esse que acabou por dar frutos: aos 78' Jackson, numa jogada individual pelo lado direito, dribla a defesa e chuta o esférico para o fundo das redes fazendo o 3-0. Por esta altura, já alguns adeptos abandonavam o estádio desanimados com a forma como a sua equipa perdia na sua própria casa. O quarto e último golo surgiu ao minuto 80: Joel recebeu do lado esquerdo, fintou o defesa e colocou em Miranda que, driblando o guarda-redes, fechou as contas em 4-0.A formação nazarena comandada por Zé Carlos ficou áquem das espectativas e mostrou-se sem argumentos. Neste jogo em particular, o meio campo não funcionou como um todo e a defesa, algo lenta, sentiu dificuldades em parar as trocas ofensivas do seu adversário.A equipa de Porto de Mós venceu e convenceu. Apresentou um futebol fluído consolidado por uma defesa experiente e um meio campo criativo que deram bastantes dores de cabeça ao seu adversário.Relativamente a Márcio Ferreira à a salientar que em vários momentos do jogo se mostrou demasiado "piquinhas" cortando vários lances de ataque em detrimento da aplicação da lei da vantagem. Foi notório que o juiz da partida quis ter mão nos jogadores mas acabou por fazê-lo da pior forma possível, prejudicando um pouco o espectáculo.
Marisa Góis

Avelarense vence Pousaflores atrevido

Jogo da 6ªJornada - 1ªDistrital/Norte
Árbitro: Artur Louceiro (AF.Leiria)

AVELARENSE: Hélder; Zé Miguel (P. António, 70’), Sardinha, Tito e André Dias; Neto (c), Boavida (Pedro Moreira, 81’) e Pimenta (Luis Borges, 46’); Rafael, Normando e Pedro Ferreira.
TR: NUNO OLIVEIRA
Não utilizados: Mika, Paulo Miguel, Rodolpho e Sérgio.

POUSAFLORES: João Simões; Teixeira Jr (c), Toni, Sérgio e Cafona; Eddy, Ramalhal e Luis Simões; Emídio (Daniel, 72’), Cláudio (Branquinho, 60’) e Nuno Cruz (Marcel, 76’).
TR: JORGE TOMÁS
Não utilizados: Micael, Camisas, Ricardo e Teixeira.

Golos: Pedro Ferreira (36’ e 75’) e Rafael (51’ e 65’); Luís Simões (33’ e 90’+4’).
Disciplina: Amarelos a Tito (35’) e Boavida (76’); Eddy (28’), Nuno Cruz (34’), Toni (75’) e Cafona (79’).
O Atlético Clube Avelarense recebeu e venceu o Grupo Desportivo e Recreativo de Pousaflores por 4-2 naquele que foi o primeiro derby oficial da época. Os visitantes até começaram a vencer, mas na segunda parte a equipa da casa deu a volta ao jogo. Com ambas as equipas a apresentarem esquemas tácticos parecidos, não foi de estranhar um encaixe inicial entre ambos os conjuntos, o que levou a um mau começo de jogo. Com poucos espaços, a solução passava pelo jogo directo e assim estava facilitada a tarefa dos defensores, que resolviam todos os intentos ofensivos. O jogo arrastava-se numa toada de sofreguidão, quase mesmo mediocridade, com ambas as formações muito apáticas até que ao minuto 14 surge o primeiro lance de registo. Cláudio passa bem por Zé Miguel mas frente a Hélder não consegue melhor que colocar-lhe a bola nas mãos. Os visitantes ganharam algum ânimo e passaram a dominar mais a meio-campo, ganhando invariavelmente a ‘segunda’ bola, enquanto o Avelarense tinha dificuldades em armar o seu jogo. Depois de um livre de André Dias que passou por cima da baliza de João Simões, o Pousaflores voltou a assustar por Luís Simões, mas a cabeçada saiu alta. Mas o mesmo Luís Simões haveria de inaugurar o marcador num grande remate do meio da rua, que ainda assim deixa mal na fotografia Neto, que lhe amorteceu involuntariamente a bola e Hélder, que estava muito adiantado na baliza.Os visitantes mereciam o golo, porque realmente estavam melhor em jogo. Mas estiveram em vantagem pouco tempo já que minutos volvidos Pedro Ferreira aproveita uma bola ‘perdida’ na grande área e faz o empate.Ao intervalo o empate castigava o mau futebol praticado.Na segunda parte Nuno Oliveira colocou Luís Borges no meio-campo avelarense e a equipa da casa ganhou imenso com isso, já que passou a dominar aquele sector. O Pousaflores entrou algo retraído e logo aos 5 minutos sofreu o segundo. Boa assistência de André Dias e Rafael, estranhamente solto à entrada da pequena área, a rematar à meia volta para o golo.O Pousaflores sentiu muito este golo, começando a abrir demasiados espaços na sua defensiva, enquanto o Avelarense melhorava e começava a causar mais problemas sempre que atacava. Aos 63 minutos Boavida marca na sequência de canto, mas o árbitro descortina uma qualquer infracção da qual não nos apercebemos, mas pouco depois isola Rafael com grande passe e o dianteiro bisa na partida, aumentando para 3-1. O Pousaflores ainda reagiu mas Branquinho, na melhor oportunidade, proporcionou boa defesa a Hélder. Do outro lado o Avelarense dilatava a marca, com Pedro Ferreira também a bisar, depois de um bom trabalho individual sobre o guarda-redes contrário.Já nos últimos suspiros o Pousaflores consegue reduzir para 4-2, com Luís Simões muito oportuno à boca da baliza a aproveitar defesa incompleta de Hélder.Artur Louceiro fez uma arbitragem tranquila e correcta, apesar dos pequenos erros. Apenas no lance do golo invalidado a Boavida parece ter errado com maior gravidade. Os seus auxiliares também fizeram trabalho regular.
Marco Marques (www.jhorizonte.com)

Resultados do Fim-de-semana das Velhas Guardas

Resultados
E.Amadora 5 - GD Atouguiense 2
Pés de Chumbo/Alvaiázere 4 - Atlético Ouriense 4
GD Guiense 2 - Sporting de Pombal 2
Várzeas 2 - Martingança 2 (Carlos Gabriel e Renato Pinho)
Grap/Pousos 0 - Arcuda 4
Estrela do Mar 2 - Seiça (Ourém) 3
-----
*Quem souber mais resultados, é favor deixar indicação nos comentários

sábado, outubro 25, 2008

6ªJornada - Divisão de Honra - Seniores

Resultados
Nazarenos 0 - Portomosense 4 (Elton , Joel , Jackson e Miranda)
Bombarralense 4 - GD Ilha 1
Beneditense 1 - AD Figueiró dos Vinhos 1
Caranguejeira 1 - CD Pataiense 2
Alq. da Serra 4(Plim , Nuno e Pimenta 2) - ID Vieirense 0
SCL Marrazes 1(Marco) - Gaeirense 0
GD Guiense 2 - Pilado 0
AR Meirinhas 2(Ricardo Tiago e Milton) - GC Alcobaça 1 (Nuno Coelho)
----
Classificação
1º AD Portomosense - 16 Pontos
2º Nazarenos - 13 Pontos
3º Bombarralense - 13 Pontos
4º Alq. da Serra - 13 Pontos
5º CD Pataiense - 10 Pontos
6º Beneditense - 10 Pontos
7º UD Caranguejeira - 10 Pontos
8º GC Alcobaça - 9 Pontos
9º SCR Gaeirense - 7 Pontos
10º SCL Marrazes - 7 Pontos
11ºGD Guiense - 7 Pontos
12ºFig. dos Vinhos - 7 Pontos
13ºAR Meirinhas - 5 Pontos
14ºSDR Pilado e Escoura - 4 Pontos
15ºID Vieirense - 4 Pontos
16ºGD Ilha - 1 Ponto
-----

6ªJornada - 1ªDistrital/Sul - Seniores

Resultados
Unidos 1(Figo) - Maceirinha 3 (Toguia , Autogolo e China)
Óbidos SC 0 - Vidreiros 2 (Estroga 2)
Boavista 3(Pedro Rafael , Autogolo e Sérgio) - SL Marinha 2 (Poli e Rui Natário)
Outeirense 4 (Telmo Mulato 2 , Ricardo Mulato e Rogério Batalha)- Santo Amaro 4 (Andrade 2, Nelo e João Brasuca)
CD Moitense 1(França) - GD Praia da Vieira 0
Grap/Amigos da Paz 2 (Miguel e Zeca) - Bidoeirense 1 (Remy)
UD Turquel 1(Autogolo) - Valcovense 3(Beto , Fábio e Bruno)
Juncalense 0 - Biblioteca 0
-----
Classificação
1ºValcovense - 18 Pontos
2ºSL Marinha - 11 Pontos
3ºGD Santo Amaro - 11 Pontos
4ºGD Praia da Vieira - 10 Pontos
5ºCDR Outeirense - 10 Pontos (- 1 Jogo)
6ºGrap/Pousos - 10 Pontos
7ºVidreiros - 10 Pontos
8ºJuncalense - 9 Pontos (- 1 Jogo)
9ºBoavista - 9 Pontos
10ºACR Maceirinha - 7 Pontos
11ºUD Turquel - 7 Pontos
12ºUnidos - 5 Pontos
13ºBIR Biblioteca - 5 Pontos
14ºBidoeirense - 4 Pontos
15ºCD Moitense - 4 Pontos
16ºÓbidos SC - 1 Ponto
-----
Liga FDL/Sul - Restaurante "O Côdea"
1ºRemy (Bidoeirense) - 5 Golos
-----
2ºJoão Brasuca e Ricardo Lourenço (GD Santo Amaro) , Rogério Batalha(CDR Outeirense) - 4 Golos
-----
5ºFrança (CD Moitense) ; Jeremy (Bidoeirense) ; Fábio (Vidreiros) ; Figo (Unidos) ; Ricardo Mulato (CDR Outeirense) ; Fábio e Bruno (Valcovense) - 3 Golos
-----
Todos os marcadores , Aqui !!!

Taça Distrital - Iniciados

Zona Norte
Grap/Pousos 1 - U.Leiria B 2(Yulian 2)
GD Guiense 9 - Matamourisca 0
Bidoeirense 1 (Leonel) - Sp.Pombal 2(Renato e Ryvan)
-----
Zona Sul
GD Atouguiense 1 - GD Peso 1 (3-0 após g.p)
ACR Maceirinha 0- GD Peniche 5
-----

6ªJornada - 1ªDistrital/Norte - Seniores

Resultados
GD Alvaiázere 1 - Pedroguense 3
GD Pelariga 1 - Matamourisca 1
Motor Clube 0 - Arcuda 1(Dádá)
GAU/Bajouca 0 - AR Ranha 1
Casal Novo 3 (Rui Sobreira , Márcio e Yannick) - Caseirinhos 0
Avelarense 4(Pedro Ferreira 2 e Rafael 2) - Pousaflores 2(Luis Simões 2)
Ramalhais 3 (Fábio Roxo 2 e Piaf g.p) - Cast. de Pêra 0
Simonenses 0 - Moita do Boi 4
-----
Classificação
1º-GD Pelariga - 16 Pontos
2º-Casal Novo - 15 Pontos
3º-CC Ansião - 13 Pontos
4º-AC Avelarense - 12 Pontos
5º-Pedroguense - 11 Pontos
6º -Ramalhais - 10 Pontos
7º-AR Ranha - 8 Pontos
8º-Moita do Boi - 8 Pontos
9º-Pousaflores - 7 Pontos
10º-Castanheira de Pêra - 6 Pontos
11º -Arcuda - 6 Pontos
12º-GD Alvaiázere - 6 Pontos
13º -Caseirinhos - 5 Pontos
14ºGAU/Bajouca - 4 Pontos
15º-Motor Clube - 2 Pontos
16º-Simonenses - 1 Ponto
17º-U.Matamourisquense - 1 Ponto
-----

Taça Distrital - Juniores

Zona Norte
Ramalhais 1 (Tiago Simões) - Grap/Pousos 2
Avelarense 0 - SCL Marrazes 3 (Diogo Velosa 2 e Pedro Lee)
Gau/Bajouca 3 - Cast. de Pêra 1
GD Alvaiázere 0 - Pedroguense 3
AD Figueiró dos Vinhos 4 - AD Ranha 0
Moita do Boi 6 (Patrick 2 , Marco , Rodrigo , Telmo Torrado e Tiago Léo) - Matamourisca 0
Arcuda 3 (Pedro Lourenço 2 e Rui Rua) - GD Pelariga 2
ID Vieirense 0 - GD Guiense 1(Joni)
-----
Zona Sul
GD Peso 0 - SL Marinha 7
GD Atouguiense 3 - GD Peso 1
Golpilheira 1 - Nazarenos 3
CD Pataiense 1 - Gaeirense 3
Ramalhosa 0 - Beneditense 3 (Ricardo , Guilherme e João Cruz)
São Guilherme 0 - GC Alcobaça 8(RS 2 , BD 2, Mikael , João Pedro , Feliciano e Romão)
-----

Taça Distrital - Juvenis

Zona Norte
AC Avelarense 2 - UD Leiria b 4 (Após g.p) (Telmo Marquês , Baptista , Olavo eFilipe Neves)
Arcuda 0 - SL Marinha A 1 (João Paz)
Sp.Pombal 5 - Abelha 1
Motor Clube 1 - União da Serra 4
Pedroguense 1 - Boavista 3
GD Guiense 0 - ID Vieirense 2
-----
-----
Zona Sul
AC Marinhense 3(Diogo Oliveira , Cláudio e Fábio Jorge) - A-Dos-Francos 0
CD Pataiense 1 - GC Alcobaça 2
ACR Maceirinha 5(Telmo , Carlão , Vitor e Nuno 2) - Pildo 0
Bombarralense 4 - SL Marinha B 1(Aníbal)
-----

Jogos e árbitros da 6ªJornada

Divisão de Honra
Nazarenos - Portomosense (Márcio Ferreira)
Bombarralense - GD Ilha (Ricardo Martinho)
Beneditense - AD Figueiró dos Vinhos (Pedro Martins)
Caranguejeura - CD Pataiense (Márcia Pejapes)
Alq. da Serra - ID Vieirense (Paulo Marques)
SCL Marrazes - Gaeirense (Marco Gomes)
GD Guiense - Pilado (Luís Dionísio)
AR Meirinhas - GC Alcobaça (Carlos Frazão)
-----
1ªDistrital/Norte
GD Alvaiázere - Pedroguense (Sandro Soares)
GD Pelariga - Matamourisca (Paulo Ferraz)
Motor Clube - Arcuda (Romão Santos)
GAU/Alegre Unido - AR Ranha (Rudy Silva)
Casal Novo - Caseirinhos (Leandro Siopa)
Avelarense - Pousaflores (Artur Louceiro)
Ramalhais - Cast. de Pêra (Rui Figueiredo)
-----
1ªDistrital/Sul
Unidos - Maceirinha (Pedro Martins)
Óbidos SC - Vidreiros (Quintino Ribeiro)
Boavista - SL Marinha (André Duarte)
Outeirense - Santo Amaro (Carlos Brites)
CD Moitense - GD Praia da Vieira (Nuno Rodrigues)
Grap/Amigos da Paz - Bidoeirense (Ricardo Martinho)
UD Turquel - Valcovense (André Duarte)
Juncalense - Biblioteca (Inês Ferreira)
-----

sexta-feira, outubro 24, 2008

Historial - Divisão Honra (6º Jornada)

Marrazes – Gaeirense

91-92….---
92-93….---
93-94….---
94-95….---
95-96….---
96-97….0-0
97-98….4-0…Marrazes
98-99….---
(…)
05-06….---
06-07….5-1…Marrazes
07-08….---


Alq Serra – ID Vieirense

93-94….2-1…Alq Serra
94-95….1-0…Alq Serra
95-96….5-1…Alq serra
96-97….6-1…Alq Serra
97-98….---
98-99….2-0…Alq serra
99-00….1-1
00-01….4-0…Alq serra
01-02….---
02-03….0-1…ID Vieirense
03-04….---
04-05….---
05-06….3-1…Alq serra
06-07….---
07-08….3-0…Alq serra


Caranguejeira – Pataiense

94-95….2-1…Caranguejeira
95-96….---
96-97….2-1…Caranguejeira
97-98….1-0…Caranguejeira
98-99….2-1…Caranguejeira
99-00….---


Os Nazarenos – Portomosense

91-92….---
92-93….2-2
93-94….1-0…Nazarenos
94-95….1-0…Nazarenos
95-96….0-2…Portomosense
96-97….---
97-98….0-0
98-99….---
99-00….---
00-01….---
01-02….---
02-03….1-2…Portomosense
03-04….---
04-05….0-1…Portomosense
05-06….---
06-07….---
07-08….---

quinta-feira, outubro 23, 2008

Pataiense vence derbie

Árbitro: Carlos Frazão (AF.Leiria)
Jogo da 5ªJornada da Divisão de Honra

CD Pataiense: Claudio, Kikó, Telmo (Pedro), Zeca, Mesquita (Tropa), Nascimento, Serrão (Picamilho), Vitor, João Costa, Chanoca, Bertolino

Beneditense: Paulo, Emanuel (Penas), Danny, Rodrigo, Alex, Batuto, Guilherme, Miguel Belo, Gonzaga, Ricardo (Nelson), Serrazina (Zé Maria).

Marcadores: Miguel Belo, Zeca e Chanoca
Numa tarde agradável de Domingo o Beneditense deslocou-se ao Campo da Floresta para defrontar a equipa do Pataiense e como se esperava acabou por ser uma partida bastante equilibrada.Aos 8 minutos da primeira parte o Beneditense inaugura o marcador depois de um livre directo marcado por Miguel Belo, onde Claudio foi mal batido. Claudio que durante a partida acabou por redimir o precalço do golo sofrido com boas defesas.A primeira parte da partida foi toda muito dividida entre os dois redutos.Na segunda parte o Pataiense entrou mais decidido e causou bastantes dificuldades ao Beneditense que por intermedio dos defesas Alex, Rodrigo e Danny foram evitando que o Pataiense chegasse ao golo, não esquecendo tambem uma boa exibição do guarde-redes veterano do Beneditense, Paulo.Aos 40 minutos da segunda parte apos uma jogada de insistência dos homens da casa, Zeca faz o empate, o Beneditense ainda tentou segurar o resultado até ao final, mas surge o lance decisivo do jogo, já em tempo de compensação (49 minutos da segunda parte), depois de disputar um lance a meio campo o médio do Beneditense Guilherme ficou estendido no relvado a pedir assistencia e toda a equipa do Beneditense ficou na espectativa de que o Pataiense colocasse a bola fora para que o jogador fosse assistido, tal não aconteceu e o Pataiense aproveitou e fez o segundo golo por intermédio de Chanoca.O lance provocou muitos protestos dos jogadores do Beneditense contra o árbitro e acabaram por ser expulsos Batuto e Nelson do Beneditense, segundos depois terminou a partida.

quarta-feira, outubro 22, 2008

Em femininos , A-Dos-Francos goleia GD Peso

A-Dos-Francos 10-GD Peso 0A jovem equipa feminina de A-dos-Francos recebeu e venceu as colegas do Peso no passado domingo.Realizando o seu terceiro jogo esta época, as jogadoras de A-dos-Francos continuaram o bom trabalho e empenho já evidenciados nos jogos anteriores, em que bateram as equipas de Vasco da Gama e do Peso por 4-0 e 4-1, respectivamente.A consistência de jogo da equipa está, de facto, a crescer. No entanto, a tomada de consciência do papel a desempenhar por cada jogadora em cada um dos momentos do jogo é o factor que possibilita esta evolução. Prova disso é a extraordinária 2ª parte de Marina Isidoro, que após corrigir acções menos conseguidas, verificadas na primeira parte, conseguiu imprimir óptima dinâmica ao jogo, elevando o desempenho global da equipa.Apesar da vitória das da casa, não sofrer contestação é importante realçar o bom jogo realizado pelas adversárias do Peso, que, possuindo menos argumentos, também mostraram aspectos positivos.

Seniores: António Paiva já não é o treinador do SCL Marrazes

Era uma notícia que já se especulava há algum tempo, e que se precipitou com a derrota da equipa dos Marrazes no Pilado: António Paiva já não é o treinador da equipa sénior do SCL Marrazes. Ao que conseguimos apurar, a saída foi por mútuo acordo, sendo certo que ainda não está definido o seu sucessor.
Para o jogo do próximo domingo, frente ao SCR Gaeirense a equipa será comandada pelos capitães de equipa, sendo certo que uma solução estará para breve.

1ªJornada - 1ªDivisão Distrital - Iniciados

Zona Norte
GD Pelariga 0 - Sp.Pombal B 9
Bidoeirense 5 - CC Ansião 1
GD Guiense 9 - GD Ilha 0
AD Figueiró dos Vinhos 1 - Arcuda 6
Carnide 10 - AR Ranha 0
Motor Clube 3 - Ramalhais 1
Folgou - Pousaflores
-----
Zona Centro
Grap/Pousos 2 - ACR Maceirinha 2
Caranguejeira 8 - SL Marinha B 1 (Tiago Garcia)
Parceiros 7 - Pilado 0
UR Mirense 4 - Soutocico 2
Matamourisca 0 - SCL Marrazes 19
Marinhense B 4 - Vieirense B 1
Folgou - U.Serra
-----
Zona Sul
Nazarenos B 0 - Beneditense B 1
Óbidos 5 - Bombarralense 1
GD Peso 2 - CD Pataiense 1
Valcovense 6 - Amoreirense 5
Recreio 2 - Alcobaça B 1
Folgou - Caldas SC B

terça-feira, outubro 21, 2008

Banda de rock patrocina SCL Marrazes

A música está presente esta época nos campeonatos distritais de futebol de Leiria através do Sport Clube Leiria e Marrazes (SCLM), equipa patrocinada por uma banda de rock progressivo e respectiva editora, numa parceria inédita em Portugal. A ligação emocional dos músicos dos The Allstar Project (TAP) e do responsável da editora Rastilho, de Leiria, inspira uma ideia que pela primeira vez no país coloca o nome de uma banda nas camisolas de uma equipa de futebol. "É uma situação nova em Portugal. Em Inglaterra houve uma banda associada a um clube, mas em Portugal é inédita esta parceria, que traz benefícios tanto para o Marrazes como à banda", explica o presidente do clube fundado em 1939, Carlos Valente.

Mais que uma fonte de receita, esta é uma aposta com que o Marrazes pretende chegar a um público-alvo mais jovem, mas o presidente sublinha "a grande aceitação" de todos os sócios. Nesse sentido, em breve, SCLM, TAP e Rastilho vão até comercializar na sede e online uma linha de roupa com a imagem do clube e da banda, um dos items de um protocolo que incluiu o pagamento de uma verba ao clube, cujo montante não é divulgado pelos responsáveis.

A ideia do patrocínio partiu de Tiago Carvalho, que foi jogador das camadas jovens do SCLM e hoje é guitarrista dos TAP. "É um orgulho para nós ver a equipa sénior do Marrazes vestir uma camisola com o nome da banda e o emblema do clube", assume o antigo ponta-de-lança. Mais conhecidos internacionalmente que em Portugal - vendem mais para o estrangeiro que cá e o primeiro disco vai ter edição nos EUA ainda este ano - os TAP encontram neste patrocínio uma forma de serem falados porque o seu nome entra todos os domingos nos campos de futebol do distrito de Leiria. "O nosso público não são as pessoas que vão aos jogos do Marrazes, mas isso pode ajudar-nos se falarem de nós. Acima de tudo, é mais uma parceria que um patrocínio", explica Tiago Carvalho. O responsável da Rastilho, Pedro Vindeirinho, igualmente ex-atleta do SCLM, reconhece que a ligação tem também um lado emocional: "O valor que pagámos não é astronómico, mas não é uma verba que muitas bandas em Portugal possam pagar. E aparentemente é um mau investimento quer para a banda, quer para a editora. Era mais vantajoso patrocinar uma equipa da III ou II divisão, mas este é um investimento mais com o coração do que com a cabeça. Mas não deixa de ser marketing". Afinal, "qual é o clube num Distrital que tem uma loja online para vender camisolas, casacos e outros produtos merchandising? É uma ideia também inovadora nesse sentido", lembra o responsável da editora.

Com o lançamento de um EP agendado para as próximas semanas e a preparar um novo CD para sair em 2009, os TAP viram "Your reward... a bullet", de 2007, ser considerado por publicações especializadas em música como um dos 10 melhores álbuns pós-rock do ano passado. "Em Portugal é impossível a música deles passar nas rádios, porque é uma música instrumental, sem voz. Mas na Alemanha, por exemplo, vendem muitos discos", conta Pedro Vindeirinho. O rock progressivo e ambiental dos TAP não tem sido, contudo, particularmente inspirador para a equipa. Em 11.º lugar, o SCLM está longe da subida desejada pelos patrocinadores. "Espero que com esta força o Marrazes possa subir este ano. Não vai ser fácil, mas se não for neste, que seja no próximo ano - a III divisão é o patamar mínimo para um clube com esta história e mística", aponta o editor-adepto Pedro Vindeirinho. Entre os projectos dos TAP está também a conclusão de um tema dedicado ao SCLM, que poderá envolver a filarmónica da freguesia, jogadores da equipa sénior ou até "o presidente, porque os hinos dos clubes têm sempre alguém a cantar", brinca o guitarrista Tiago Carvalho.

Jornal Record
Data: Segunda-feira, 20 Outubro de 2008 - 19:20

Ventos do sul ajudam vitória do Bombarralense

Estádio Afonso Lacerda, em Figueiró dos Vinhos
Árbitro: Sandro Soares (AF.Leiria)

FIG. VINHOS: João Pedro; Palheira, Zé Napoleão, Renato e Marco (Tó Alves, 70’); Beto, Matine (Bruno Rosa, 62’) e Rafael; Russo (Paulo Nunes, 62’), Futre e Silveiro.
Suplentes não utilizados: Mikael, Bruno Almeida, Joel e Tendinha.
Treinador: Fernando Silva

BOMBARRALENSE: Luís Paulo; Fifi, E. Garcia, P. Rossas e Bessa; Serginho, Bruno (Morgadinho, 59’) e David; Ivonilson (Vitorino, 64’), Anderson e Palatino (Valtinha, 81’).
Suplentes não utilizados: Rodrigo; Mimoso e Tiago Viveiros.
Treinador: Rui Almeida.

Golos: Ivonilson (0-1, aos 3’); Rossas (p.b. 1-1, aos 15’); Anderson (1-2, aos 56’) e Fifi (1-3, aos 68’)

A equipa da casa “entrou a perder”. Ainda não era cumprido o terceiro minuto de jogo e já Ivonilson colocava o Bombarralense em vantagem, fruto de uma desconcentração da defensiva de Figueiró dos Vinhos que deixou o avançado visitante completamente solto na área.A resposta figueiroense surgiu logo ao minuto 5 através de um remate de Futre junto ao poste, na cobrança de um livre frontal à baliza de Luís Paulo.Mesmo sem jogar bem, os figueiroenses cada vez que se acercavam da área forasteira criavam perigo, embora muito por demérito defensivo. Foi numa dessas situações que Rossas introduziu a bola na própria baliza, após centro de Rafael para o coração da área.Até ao fim da primeira parte o jogo desenrolou-se a meio campo, sem garra nem imaginação. O empate ao intervalo ajustava-se.Na segunda parte, o Bombarralense voltou a entrar melhor, com o seu meio campo mais operário e com o pequeno Serginho a impor-se como melhor jogador em campo. E foi dos pés deste jogador que, aos 56 minutos, saiu o segundo golo forasteiro. Livre da direita cobrado com “conta, peso e medida” para a cabeça de Anderson que se limitou a empurrar para o fundo das malhas da baliza do desamparado João Pedro. Golo que, diga-se, é ferido de legitimidade já que resulta de um livre que só o árbitro viu (o seu assistente mesmo ao pé nada assinalou - e bem), ainda por cima fruto de um lançamento que pertenceria à equipa da casa (conforme o assistente bem colocado assinalou - e bem - mas contrariado pelo árbitro que seguia o lance à distância).Nesta altura o Bombarralense mandava a meio-campo, estranhando-se a (im)passividade de Fernando Silva em reforçar aquele sector, o que viria a fazer embora, quanto a nós, tardiamente.Aos 61’, mais uma situação duvidosa. No estádio pede-se penalti sobre Silveiro, mas Sandro Soares nada assinala. Aqui, até compreendemos a decisão, porque o árbitro estava - estranhamente, porque a jogada desenvolveu-se naturalmente - a meio campo, muito longe do lance que decorria na área visitante.À passagem dos 62’, Fernando Silva faz duas substituições, com as quais opera uma revolução na equipa que se completa 10 minutos depois com a entrada de Tó Alves. Beto e Bruno Rosa passam a ser os laterais direito e esquerdo, respectivamente; Palheira encosta-se ao ponta-de-lança, Rafael ganha mais mobilidade e Tó Alves encarrega-se de arrumar a casa a meio campo. A partir daqui, assistimos ao melhor período da equipa da casa que, entretanto, já tinha sofrido o 1-3 - por Fifi, novamente de bola parada numa execução superior de Serginho.Aos 80’, Futre faz a bola raspar o poste; aos 82’, o mesmo Futre permite a defesa a Luís Paulo, depois de uma excelente jogada de Palheira; aos 84’ Beto envia a bola às malhas laterais e, finalmente, aos 87’, é Palheira que, de cabeça, envia a bola junto à barra.Pelo meio, aos 75’, grande penalidade que fica por marcar. Serginho tira a bola com a mão a Futre, em plena grande área. Aqui, o lance é claro e para nós não ficaram dúvidas, pois foi mesmo de frente para nós.No final, vitória que se aceita, mas por números exagerados.Na Desportiva, Palheira foi o melhor. No Bombarralense, Serginho foi o melhor da equipa e o melhor em campo.Quanto ao árbitro, fez desde muito cedo uma arbitragem demasiado “sulista”. Já os auxiliares, estiveram bem... e desautorizados pelo chefe de equipa!

Carlos Santos (Jornal A Comarca)

segunda-feira, outubro 20, 2008

Vitória justa


Parque de jogos do Portomosense, em Porto de Mós
Árbitro: Paulo Marques (AF.Leiria)


PORTOMOSENSE: Sérgio, Gigas, Pedro Órfão, Morgado (75' Samuel), Bruno Francisco, René, Miranda, Cristiano (45' Joel), Jackson, Elton, (61' Hugo Almeida), Ferraz
Treinador: Rui Bandeira


MEIRINHAS: Ivo, Hugo Roda, Tiago (48' Edgar), André Neves, Paneira, Joninha, Gonçalves, Zé Luis, Smaine (44' Tiks), Zeca, Joãozito
Treinador: Paulo Silva


Marcadores : Jackson (26'), Joel (46'), Miranda (50' GP), Ferraz (92')


No passado domingo encontraram-se no Parque de Jogos de Porto de Mós, duas equipas com objectivos bem distintos: Portomosense, que ambiciona subir de novo à 3ª Divisão Nacional e a estriante A.R.Meirinhas que subiu esta época e tem vindo a lutar por um lugar mais confortável que lhes permita permanecer na Divisão de Honra.Como habitual, a equipa de Rui Bandeira começou o jogo com rápidas transições defesa-ataque e fazendo bom uso da rapidez dos seus extremos. Mas a rapidez nem sempre é sinónimo de golos e a finalização nesta 1ª parte, ficou muito áquem do esperado. Aos 4' na sequência de um canto, Morgado remata forte e podia mesmo ter aberto o marcador, mas a bola bate nas costas de um dos defesas. Minutos depois, após um mau atraso do avançado Joãozito, Jackson surge praticamente isolado na cara de Ivo mas o remate sai à figura do GR das Meirinhas. Mas a formação de Paulo Silva também tinha uma palavra a dizer e ao minuto 12, na sequência de uma boa jogada de ataque, Smaine cabeceia mas viu Sérgio negar-lhe o golo e tocar para canto. Nos minutos seguintes a equipa de Pombal surgiu mais rematadora muito por mérito de André Neves que aos 17' remata por cima da baliza de Sérgio e aos 21' deu para Joãozito que driblou bem sobre a defesa Portomosense e remata forte obrigando Sérgio a uma defesa apertada para canto.Após tantas insistências da equipa da casa, surge o primeiro golo da partida aos 26' após perda de bola no meio campo da equipa pombalense e Jackson a aproveitar bem o deslize: finta Ivo, que saiu de entre os postes, e rematou para o fundo das redes. Até ao intervalo a equipa de Porto de Mós podia ter dilatado bem mais o resultado: Ferraz, Jackson e Miranda tiveram excelentes oportunidades de golo mas não conseguiram concretizar.Logo ao abrir a segunda parte, Rui Bandeira substituiu Cristiano por Joel que após um minuto em campo fez o 2-0 para a sua equipa num remate cruzado do lado direito. Notou-se algum nervosismo na equipa de Paulo Silva após sofrer o segundo golo e aos 50' acabou mesmo por surgir um penalty na área das Meirinhas na sequência de uma falta sobre Bruno Francisco. Na marcação da grande penalidade, Miranda não desperdiçou e fez o 3-0.Na meia hora que se seguiu a equipa da casa falhou diversas oportunidades de golo e o seu adversário sempre que chegava perto da baliza de Sérgio, vacilava e não marcava. Destaque para os últimos minutos onde ainda houve alguma emoção: aos 88', Ferraz cruza do lado esquerdo para Miranda, mas Ivo estava bem colocado e defendeu sem problemas. Tentando agitar as redes do guardião Sérgio pela primeira vez, André Neves partiu ao ataque pelo lado esquerdo e obriga o GR Portomosense a uma grande defesa. Já em período de descontos, Joel surge na entrada da área das Meirinhas e assiste o seu companheiro Ferraz que, pela primeira vez esta época, finalizou com sucesso alargando a vantagem e fechando o resultado em 4-0.Apesar do resultado, Paulo Silva apresentou uma equipa cuesa e que se entreajuda bastante defensivamente, deixando boas indicações para jogos futuros e "prometendo" não facilitar a vida a quem se atravessar no seu caminho.Quanto ao Portomosense, jogou um futebol eficaz e mereceu, de facto, a vitória mas há a salientar as muitas oportunidades desperdiçadas. Em jogos importantes, como o da próxima jornada contra a formação da Nazaré, falhar desta forma pode ser fatal.Relativamente à arbitagem de Paulo Marques, houve duas grandes penalidades reclamadas por ambas as equipas: mão na bola dentro da área Portomosense e um toque sobre o avançado Ferraz. O juiz da partida nada assinalou. Tirando estes dois casos, não houve mais nada que criasse algum alarido quer nas bancadas quer no banco das equipas em confronto.


Texto-Marisa Goís (O Derbie)
Foto-Paulo César

domingo, outubro 19, 2008

No duelo entre candidatos Ansião merecia mais

Pedroguense 3 - CC Ansião 3


Jogo no Campo de S. Mateus – Pedrógão Grande
Arbitragem: Ricardo Martinho

PEDROGUENSE: Fernando; Rafael, Marco Ferreira, Toni e Sérgito; Caló, Tátá (cap.) e Dani; Hélder Vaz (Tiago, 84’), João Raposo (Chinoca, 60’) e Ricardo Silva.
TR: JOÃO ALMEIDA
Não utilizados: Samuel, Filipe, Fábio, Luís António e Madeiras.

CC ANSIÃO: Quaresma; Linas, Samuel, Zé António e Jorge Fazenda (cap.); Palhais, Pernadas e Pedro Neves; André Silva (Rui Valente, 87’), João Pedro (Rogério Fazenda, 78’) e Bajedas (Ruizito, 66’).
TR: RICARDO SILVA
Não utilizados: Marco, Poquinha, Alexandre e Diogo Neves.

Golos: 0-1, Bajedas (24’); 0-2, João Pedro (32’); 1-2, Marco Ferreira (42’); 2-2, Ricardo Silva (44’, g.p.); 2-3, Bajedas (52’); 3-3, Marco Ferreira (64’).

Disciplina: Cartão amarelo a Chinoca (65’), Marco Ferreira (69’), Rafael (72’), Sérgito (79’) e Tátá (90’); Zé António (43’), Bajedas (43’) e Jorge Fazenda (85’). Vermelho directo a Toni (86’).
Pedroguense e Ansião dividiram os pontos no jogo da jornada da I Distrital Norte. Apontados como os principais candidatos à subida, ambas as formações mostraram argumentos convincentes, mas o conjunto ansianense funcionou melhor.O equilíbrio inicial de forças durou até aos 24 minutos, quando surgiu o golo inaugural. João Pedro ganhou a linha e centrou para a boca da baliza, surgindo Bajedas a encostar facilmente para o fundo das redes.O Pedroguense reagiu e aos 31’ Ricardo Silva rematou para golo, mas há muito havia indicação de fora-de-jogo. Na resposta 2-0 para os visitantes e com os mesmos protagonistas, mas em ‘papéis’ diferentes. O centro é de Bajedas e a conclusão de João Pedro, num bom golpe de cabeça.Estava por cima a equipa de Ricardo Silva, com uma exibição muito segura a nível defensivo e bastante sagaz em termos de finalização, mas dois minutos bastaram para inverter o cenário.Aos 42 minutos Marco Ferreira reduz para 1-2, com um excelente golpe de cabeça. Um golo bastante contestado e que parece ferido de ilegalidade, já que para ganhar posição o central derruba ostensivamente o seu marcador directo.Dois minutos volvidos, novo lance polémico. Ricardo Silva recupera uma bola na área e aparece estatelado no chão, com Ricardo Martinho a assinalar de pronto grande penalidade. Os visitantes protestaram bastante, mas o avançado pombalense, alheio à discussão, acabou por converter o castigo máximo.Na segunda metade voltou a entrar bem o CC Ansião com Bajedas a bisar aos 52 minutos, no melhor golo da tarde. Uma ‘bomba’ de pé esquerdo!Pouco depois o ‘keeper’ local perde a cabeça e depois de agarrar a bola pontapeia André Silva, valendo-lhe a incrível ‘distracção’ do árbitro. Seria expulsão e pénalti.João Almeida retirou um apagado Raposo para colocar um mexido Chinoca e o Pedroguense cresceu, conseguindo nova igualdade aos 64 minutos. Ricardo Silva centra para a área e a bola entra na baliza depois de alguma confusão, parecendo tocada em último lugar por Marco Ferreira.Do outro lado Bajedas saía visivelmente desgastado e o Ansião perdia fôlego, mas no Pedroguense a bola também não chegava ao desequilibrador Ricardo Silva.Até final acabou por ser do Ansião a melhor oportunidade, mas o livre de Samuel saiu ligeiramente ao lado.Ricardo Martinho, que nunca teve a vida facilitada pelos jogadores, acabou por expulsar directamente Toni, numa entrada faltosa rude, mas que não justificaria punição tão pesada.No final de contas a igualdade sabe melhor aos homens da casa, enquanto o CC Ansião pode queixar-se de alguma falta de sorte e de duas decisões muito questionáveis do árbitro da partida.

Marco Marques - Jornal Horizonte

1ªJornada - Divisão de Honra - Iniciados

Resultados
SL Marinha A 0 - Sp.Pombal A 3
SCL Marrazes A 3 - AD Portomosense 0
Vieirense A - Nazarenos A
GC Alcobaça A 2 (João Madruga e Rúben Martinho) - GD Peniche 1
UD Batalha 0 - AC Avelarense 0
A-Dos-Francos 4 - U.Leiria B 2
-----

5ªJornada - 1ªDistrital/Norte - Seniores

Resultados
Pedroguense 3(Ricardo Silva , Marco Ferreira e Chinoca) - CC Ansião 3(Bajedas 2 e João Pedro)
Arcuda 0 - GD Pelariga 1
AR Ranha 2 - Motor Clube 1
Caseirinhos 2 - GAU/Alegre Unido 0
Moita do Boi 2(Gonçalo e Júlio) - Casal Novo 1 (Miguel)
Ramalhais 5(Padeiro 2, Roxo , Piaf e Tiago Simões) - Simonenses 0
Pousaflores 0 - Cast. de Pêra 1
GD Alvaiázere 6(Tiago 2, Gonçalo 2, Marito e Nuno) - Matamourisca 0
Folgou:AC Avelarense
-----
Classificação
1ºGD Pelariga - 15 Pontos
2ºCC Ansião - 13 Pontos
3ºCasal Novo - 12 Pontos
4ºAC Avelarense - 9 Pontos
5ºR.Pedroguense - 8 Pontos
6ºPousaflores - 7 Pontos
7ºRamalhais - 7 Pontos
8ºCast. de Pêra - 6 Pontos
9ºGD Alvaiázere - 6 Pontos
10ºAR Ranha - 5 Pontos
11ºMoita do Boi - 5 Pontos
12ºCaseirinhos - 5 Pontos
13ºAlegre Unido - 4 Pontos
14ºArcuda - 3 Pontos
15ºMotor Clube - 2 Pontos
16ºSimonenses - 1 Ponto
17ºMatamourisca - 0 Pontos
----

5ªJornada - Divisão de Honra - Seniores

Resultados
GD Ilha 1 - Nazarenos 3
F. Vinhos 1 - Bombarralense 3
CD Pataiense 2(Zeca e Chanoca) - Beneditense 1
ID Vieirense 0 - UD Caranguejeira 1(W.Andrade)
SCR Gaeirense 0 - Alq. da Serra 3
SDR Pilado 1 (Félix g.p)
- SCL Marrazes
GC Alcobaça 1 - GD Guiense 0
AD Portomosense 4 (Jackson , Joel , Miranda e Ferraz) - AR Meirinhas 0
-----
Classificação
1ºAD Portomosense - 13 Pontos
2ºNazarenos - 13 Pontos
3ºBombarralense - 10 Pontos
4ºUD Caranguejeira - 10 Pontos
5ºAlq. da Serra - 10 Pontos
6ºBeneditense - 9 Pontos
7ºGC Alcobaça - 9 Pontos
8ºSCR Gaeirense - 7 Pontos
9ºCD Pataiense - 7 Pontos
10ºFig. dos Vinhos - 6 Pontos
11ºSDR Pilado e Escoura - 4 Pontos
12ºID Vieirense - 4 Pontos
13ºSCL Marrazes - 4 Pontos
14ºGD Guiense - 4 Pontos
15ºAR Meirinhas - 2 Pontos
16ºGD Ilha - 1 Ponto
-----

5ªJornada - 1ªDistrital/Sul - Seniores

Resultados
Vidreiros 2(Fábio e Daniel) - GDRC Unidos 0
SL Marinha 3 (Mário Balseiro 2 e Carlos Tiago) - Óbidos SC 1
Santo Amaro 2 (João Brasuca e Ricardo) - Boavista 1 (Sérgio)
Praia da Vieira 0 - Outeirense 2 (Rui Lobo e Rogério Batalha)
Bidoeirense 4(Remy 2 , Jeremy e Márcio)
- CD Moitense 1
Valcovense 2 - Grap/Pousos 0
Biblioteca 1 (Joel) - UD Turquel 2(Costinha e Marcolino)
ACR Maceirinha 0 - Juncalense 1
-----
Classificação
1ºValcovense - 15 Pontos
2ºSL Marinha - 11 Pontos
3ºGD Praia da Vieira - 10 Pontos
4ºGD Santo Amaro - 10 Pontos
5ºCDR Outeirense - 9 Pontos (- 1 Jogo)
6ºJuncalense - 8 Pontos (-1 Jogo)
7ºGrap/Pousos - 7 Pontos
8ºVidreiros - 7 Pontos
9ºUD Turquel - 7 Pontos
10ºBoavista - 6 Pontos
11ºUnidos - 5 Pontos
12ºACR Maceirinha - 4 Pontos
13ºBIR Biblioteca - 4 Pontos
14ºBidoeirense - 4 Pontos
15ºÓbidos SC - 1 Ponto
16ºCD Moitense - 1 Ponto
-----
Liga FDL/SUL - Restaurante "O Côdea"
Ricardo Lourenço (GD Santo Amaro) e Remy(Bidoeirense) - 4 Golos
-----
3ºJeremy (Bidoeirense) ; João Brasuca (GD Santo Amaro) e Rogério Batalha(CDR Outeirense)- 3 Golos
Paraveres a lista completa de marcadores . clica Aqui !!!

Resultados de Veteranos

Resultados
C.R.C.22 de Junho/Amor 2 (Autogolo e Jorge Marques) - Os Belenenses 0
G.D.Martingança 0 - Alhadas 0
-----
*Quem tiver mais resultados pode deixar-nos nos comentários

3ªJornada - 1ªDivisão Distrital - Juvenis

Zona Norte
Resultados
Motor Clube 0 - Bidoeirense 1 (Maike)
GD Santo Amaro 2 (Rúben Caetano e João Pinheiro) - Boavista 0
-----
-----
Zona Sul
Resultados
UD Batalha 1 - SL Marinha B 0
AC Marinhense 3(André Cruz 2 e JP) - GD Peniche 1
Bombarralense 1 - Soutocico 1
UD Turquel 1 - ACR Maceirinha 2 (Vitor e Jordy)
Pilado 1 - UD Caranguejeira 2
Biblioteca 1 - CD Pataiense 2
-----
-----

1ªJornada - Divisão de Honra - Juvenis

Resultados
GC Alcobaça 2 - Grap/Pousos 1
Gaeirense 0 - Nazarenos 8
ID Vieirense 0 - U.Leiria B 1
GD Peso 3 - Beneditense 6
AD Portomosense 1 - União da Serra 2
SCL Marrazes 0 - SL Marinha 2 (João Paz 2)
-----
Classificação
1ºNazarenos - 3 Pontos
2ºBeneditense - 3 Pontos
3ºSL Marinha - 3 Pontos
4ºUD Serra - 3 Pontos
5ºUD Leiria B - 3 Pontos
6ºGC Alcobaça - 3 Pontos
7ºGrap/Pousos - 0 Pontos
8ºAD Portomosense - 0 Pontos
9ºID Vieirense - 0 Pontos
10ºSCL Marrazes - 0 Pontos
11ºGD Peso - 0 Pontos
12ºSCR Gaeirense - 0 Pontos
-----

1ªJornada - Divisão de Honra - Juniores

Resultados
SL Marinha 1 (Tiago André) - SCL Marrazes 0
Nazarenos 1 - Arcuda 1
Grap/Pousos 0 - GC Alcobaça 5 (Romão 2 , RS , Dinis e Micael)
GD Guiense 4 - Gaeirense 1
Beneditense 1 - ID Vieirense 1
Folgou - Bombarralense
-----
Classificação
1ºGC Alcobaça - 3 Pontos
2ºGD Guiense - 3 Pontos
3ºSL Marinha - 3 Pontos
4ºArcuda - 1 Ponto
5ºID Vieirense - 1 Ponto
6ºNazarenos - 1 Ponto
7ºBeneditense - 1 Ponto
8ºBombarralense - 0 Pontos (- 1 Jogo)
9ºSCL Marrazes - 0 Pontos
10ºGaeirense - 0 Pontos
11ºGrap/Pousos - 0 Pontos
-----
*A equipa da União da Serra desistiu

sábado, outubro 18, 2008

Jogos e árbitros da 5ªJornada / Seniores

Divisão de Honra
GD Ilha - Nazarenos (Luciano Gonçalves)
F. Vinhos - Bombarralense (Sandro Soares)
CD Pataiense - Beneditense (Carlos Frazão)
ID Vieirense - UD Caranguejeira (Fábio Piló)
SCR Gaeirense - Alq. da Serra (Carlos Brites)
SDR Pilado - SCL Mararzes (Nuno Rodrigues)
GC Alcobaça - GD Guiense (Carlos Amado)
AD Portomosense - AR Meirinhas (Paulo Marques)
-----
1ªDistrital/Norte
Pedroguense - CC Ansião (Ricardo Martinho)
Arcuda - GD Pelariga (Rui Figueiredo)
Ranha - Motor Clube (Rui Figueiredo) - Sábado , 20h00
Caseirinhos - GAU/Alegre Unido (Sérgio Querido)
Moita do Boi - Casal Novo (André Duarte)
Ramalhais - Simonenses (Inês Ferreira)
Pousaflores - Cast. de Pêra (Leandro Siopa)
GD Alvaiázere - Matamourisca (Vera Costa)
-----
1ªDistrital/Sul
Vidreiros - GDRC Unidos (Luís Dionísio)
SL Marinha - Óbidos SC (Carlos Francisco)
Santo Amaro - Boavista (Quintino Ribeiro)
Praia da Vieira - Outeirense (Pedro Martins)
Bidoeirense - CD Moitense (António Nobre)
Valcovense - Grap/Pousos (Márcio Ferreira)
Biblioteca - UD Turquel (David Alexandre)
Maceirinha - Juncalense (Romão Santos)
-----

quinta-feira, outubro 16, 2008

Sérgio já leva seis horas sem sofrer golos

Seis horas sem sofrer qualquer golo. É esse o tempo que Sérgio, guarda-redes de futebol do Portomosense já leva sem ir buscar uma bola dentro da baliza. Um início de época verdadeiramente espectacular para o sector mais recuado da equipa de Rui Bandeira, que nos primeiros quatro jogos da divisão de Honra manteve as redes invioladas. Marrazes, Figueiró dos Vinhos, Guiense e Ilha foram os adversários.Antes do jogo, Sérgio calça sempre a luva direita em primeiro lugar e entra em campo com o pé direito. Superstições que têm dado resultado. Nestes quatro encontros, o guarda-redes de 24 anos realça que nem tem tido muito trabalho e que os louros devem ser distribuídos por toda a equipa. “O mérito não é só meu. Este é o resultado do jogo de equipa. Temos vindo a trabalhar bem. Já nos conhecemos quase todos de épocas anteriores, pelo que já sabemos como nos comportamos.”No entanto, tem consciência que a marca não vai crescer indefinidamente, até porque “todas as equipas querem ganhar ao Portomosense, mais do que a qualquer outra equipa”. “Somos o alvo a abater. Por virmos dos nacionais e por querermos voltar rapidamente para lá.”Tanto jogo sem sofrer um golo nunca tinha acontecido a Sérgio. A sua melhor marca pessoal era de três partidas. Agora, vai tentar estender o mais possível esta marca. O próximo adversário, domingo, é o Meirinhas, que tem um dos ataques menos concretizadores da prova, com dois golos marcados.Aos 5 anos, quando começou a jogar futebol no Marrazes, Sérgio era ponta-de-lança. “Havia poucos guarda-redes, experimentei, gostei e fiquei.” Depois de 15 épocas no clube onde também começou Rui Patrício, esteve uma época no Arcuda, outra no Bidoeirense e já vai na quarta em Porto de Mós.

Miguel Sampaio (Jornal de Leiria)

Historial - Divisão Honra (5º Jornada)

Pataiense-Beneditense
05-06….---
06-07….0-2…Beneditense
07-08….3-1…Pataiense



F Vinhos-Bombarralense
91-92….0-3…Bombarralense
92-93….0-2…Bombarralense
93-94….---
94-95….---
95-96….1-0…Fig Vinhos
96-97….0-1…Bombarralense
97-98….---
98-99….---
99-00….1-2…Bombarralense
00-01….---
01-02….2-2
02-03….2-1…Fig Vinhos
03-04….3-0…Fig Vinhos
04-05….---
05-06….1-2…Bombarralense
06-07….---
07-08….---

Vieirense-Caranguejeira
91-92….---
92-93….2-2
93-94….0-0
94-95….---
95-96….0-3…Caranguejeira
96-97….2-2
97-98….---
98-99….1-4…Caranguejeira
99-00….---
(…)
03-04….---
04-05….1-3…Caranguejeira
05-06….---
06-07….---
07-08….---


Gaeirense–Alq Serra
91-92….---
92-93….---
93-94….1-3…Alq Serra
94-95….2-0…Gaeirense
95-96….2-1…Gaeirense
96-97….1-0…Gaeirense
97-98….1-2…Alq Serra
98-99….---
(…)
05-06….---
06-07….2-1…Gaeirense
07-08….---


Alcobaça-Guiense
91-92….---
92-93….4-0…Alcobaça
(…)
02-03….6-0…Alcobaça
03-04….---
04-05….0-0
05-06….---
06-07….---
07-08….---

quarta-feira, outubro 15, 2008

Caranguejeira acordou tarde

A UD Caranguejeira perdeu este domingo, em casa, pela primeira vez neste campeonato. A equipa do Gaeirense apresentou-se no estádio da Mata a praticar muito bom futebol, assente numa estratégia de contra-ataques rápidos e venenosos, fruto da velocidade e qualidade técnica dos seu atacantes. O primeiro golo do encontro surgiu ainda na primeira parte, por intermédio de Zé Simões, que após cruzamento da direita do ataque, aparece solto na cara de Chibito, onde só teve que encostar. O segundo do Gaeirense surgiu praticamente no recomeço da segunda parte. João Silva, consegue no interior da pequena area surpreender e a fazer de cabeça o 0-2. Só a partir daqui a UDC esboçou alguma reacção, e Carvalho consegue no espaço de apenas 10 m atirar por 2 vezes ao poste! Só que quando se pensava que era a UDC que estava perto de marcar.... surge o terceiro dos visitantes. Bola metida nas costas da defesa, Vilaça faz um compasso de espera e á saida de Chibito só teve que fazer o chapeu. Com pouco mais de 15m para jogar, a Caranguejeira encostou o Gaeirense ao seu meio campo, e conseguiu reduzir, primeiro por Pedro Carreira e depois por Xamina. Com 3-2 no marcador, os minutos finais foram emocionantes, com várias oportunidades flagrantes a ser desperdiçadas pelo ataque da UDC, que apesar de ter acordado bastante tarde poderia ter empatado o encontro. O resultado, acaba por ser justo pelo que o Gaeirense fez ao longo de 70m. E apesar dos bons 20m finais, a UDC tem que se lembrar que acordar tarde e dar um avanço de 3 golos ... a este nivel é fatal!

AF Leiria organiza formação de guarda-redes

No próximo sábado, no novo auditório da Associação de Futebol de Leiria (AFL) terá lugar uma acção de formação de guarda-redes a ser ministrada por Vitor Alves, técnico da equipa principal do Monsanto(2ªDivisão Nacional) e ex-Guarda-Redes do Torres Novas , U.Leiria e Académica.
A vertente teórica terá início às 14h30 nas instalações da AFL, enquanto ás 16 horas, no sintético do GDR Boavista será a parte prática.
A iniciativa conta com o apoio da Associação Nacional de Treinadores de Futebol(ANTF), e as inscrições são gratuitas e os presentes terão direito a um diploma de presença no final da acção de formação.

Jogos de Veteranos

Monte Real 1 - Sapatilhas (Condeixa) 2
* Quem souber mais resultados pode deixar nos comentários

"Como sou uma pessoa de princípios, abandonei o comanda técnico"

À pouco mais de uma semana Félix Monteiro abandonou o comando técnico do Alegre e Unido, devido a divergências com a direcção do clube. Segundo Félix Monteiro os motivos que levaram esta situação “ foi o facto de três juniores treinarem connosco e a direcção do clube, pretender que eles integrassem a equipa júnior”, refere.O ex-técnico do Alegre e Unido refere que “ tudo começou nos últimos jogos da passada época, quando pedi alguns juniores para a equipa sénior e estes três integraram-se bem e até marcaram em alguns jogos”, salienta. No início do campeonato a direcção não viu com agrado a presença destes jogadores a treinador com a equipa sénior. Félix Monteiro salienta que “ logo no inicio da temporada, estes três atletas vieram treinar com a equipa sénior e alguns dirigentes do clube, mostraram-se totalmente contra esta situação, alegando que, se a situação se mantive-se, não iria haver equipa de juniores”As divergências continuaram entre Félix Monteiro e a direcção do clube até que “ fui avisado que ou a situação se alterava ou então eu possivelmente sairia do clube.”, realça.O treinador actualmente no desemprego vai ainda mais longe e dá a conhecer mais factos importantes nesta história. “ o Alegre e Unido adquiriu um jogador que jogava futsal nos juniores dos Barreiros e que eu trouxe para a Bajouca. O Alexandre compareceu na apresentação da equipa sénior e eu desconhecia que era ainda júnior. No final da apresentação, alguns dirigentes falaram com o jogador para ele ir representar a equipa júnior à tarde num jogo de treino. Ele ligou-me porque achou estranho esta situação e eu disse-lhe que era uma contratação para a equipa sénior”, afirma.Félix Monteiro salienta ainda que “ eu tinha que mandar mensagens aos dirigentes para ter bolas para treinar. Havia pessoas que queriam que eu saísse e como sou uma pessoa de princípios, abandonei o comanda técnico.Quando comunicou aos atletas a sua saída, os jogadores não aceitaram de bom grado e segundo Félix Monteiro “ eu tive que acalma-los porque eles estavam muito desapontados com esta situação. No domingo, o Alegre e Unido tinha jogo com o Ramalhais e eu pedi aos capitães para treinar na sexta e comparecerem e eles só aceitaram, porque eu comprometi-me a estar presente no jogo diante do Ramalhais”, esclarecePor último Félix Monteiro deixa uma palavra de apreço para os jogadores do Alegre e Unido. “ quero o melhor para o Alegre e Unido e para aqueles atletas que foram sempre inexcedíveis ao longo dos quatro anos que trabalhei com eles. Sinto-me muito honrado em ter trabalhado com estes atletas”, conclui.
O Derbie

terça-feira, outubro 14, 2008

Portomosense vence Ilha

GD Ilha 0 - AD Portomosense 2

Campo das Lagoas, na Ilha
Jogo da 4ªJornada da AF Leiria
Árbitro: Carlos Brites

GD Ilha : Bruno (Cap) , Pedro, Luís Neto, Marco Neto (Faria 68 min.), Gil Pinto, Vasco, Milton, Marquito, Rui Pedro, Olivier (Cláudio, 45 min.) e Micas
Treinador: Hélder Pereira

AD Portomosense : Sérgio, Bruno Francisco , Gigas, Pedro Órfão, Morgado , Claúdio René, Miranda, Cristiano (Joel 57 min.), Jackson, Elton, Ferraz (Pedrito 70 min.)
Treinador: Rui Bandeira

Marcadores: Jackson (29') e Elton (50')
Ao intervalo: 0-1

Numa tarde cinzenta e com alguma chuva , a AD Portomosense visitou e venceu o GD Ilha por 0-2. Mas não se pense que a equipa de Porto de Mós fez um passeio á localidade da Ilha, pois os homens comandados pelo técnico Hélder Pereira foram sempre uma equipa bastante aguerrida e que em muito dificultou o jogo , a uma equipa do Porto de Mós claramente superior em todos os capítulos.
O jogo começou equilibrado, e perante um ataque mais elaborado da equipa comandada por Rui Bandeira, a Ilha respondia em contra-ataques rápidos que por duas vezes quase davam golo, aos 5 minutos e aos 20 minutos. Estes dois lances fizeram despertar a equipa de Rui Bandeira, que percebeu que se quisesse levar os três pontos, teria que vestir o fato de macaco e assim o fez. E não tardou a dar resultados, logo aos 29 minutos, o Porto de Mós vai fazer o 0-1 , num grande golo de Jackson , que recebeu a bola á entrada da área , rodopiou e fez um belo golo. A partir daí com o Portomosense mais tranquilo, o jogo continuou intenso e vivo, e aos 38 minutos Ferraz quase faz o 0-2, mas a bola acaba na trave. Aos 42 minutos novo lance de Ferraz , que depois de um bom lance de Jackson na esquerda , falha quase escandalosamente o golo. Mas não demorou a aparecer o 2ºgolo e logo após o início da 2ªparte, aos 50 minutos , Elton de cabeça , após passe de René na esquerda faz o 0-2. O GD Ilha procurou responder e aos
58 Minutos quase chega ao 1-2 , após um lance de bola parada , mas a bola acaba por sair por cima. Por esta altura já Rui Bandeira tinha posto em campo Joelito, para o lugar de Cristiano, e este revelou-se bem mais mexido, fazendo aos 65 minutos e aos 67 minutos, duas elas assistências para golo para Ferraz e Jackson respectivamente, mas o golo acabou por não aparecer.
O GD Ilha nunca desistiu, mas apesar disso por esta altura e até ao final, a equipa do Portomosense dominava a seu belo prazer, com um futebol de pé para pé, e mostrava o porquê de ser o líder da Divisão de Honra.
Arbitragem tranquila de Carlos Brites.

segunda-feira, outubro 13, 2008

Beneditense regressa às vitórias

Jogo da 4ªJornada da Divisão de Honra
Árbitro: Márcio Ferreira
Beneditense 2 - ID Vieirense 0
Beneditense: Paulo, Milhinhos (Emanuel), Alex, Rodrigo, Danny, Batuto, Miguel Belo, Guilherme, Gonzaga (Mauro), Serrazina, Ricardo (Nelson).
Treinador: Mauro Pulquério
Vieirense: João, Júlio, Guerra, Leo, Júnior (Parreira), João Duarte (Luis), Fábio, Tito, Hugo Neto, Leal, Tininha (Roberto).
Treinador: José Lucas
Em jogo a contar para a 4ª jornada da Divisão de Honra de Leiria o Beneditense recebeu a equipa do Vieirense em jogo antecipado para Sabado ás 17:30. Ambas as equipas vinham de derrotas.A primeira meia hora de jogo foi disputada a meio campo com as duas equipas muito entrusadas, no entanto notava-se um natural ascendente dos homens da casa.Aos 38 minutos da primeira parte depois de um bom trabalho individual de Gonzaga que passou por dois defesas do Vieirense e assistiu Serrazina, o Beneditense faz o primeiro da partida.No segundo tempo o Beneditense continuou superior ao Vieirense e logo aos 10 minutos Miguel Belo com um livre directo bem colocado faz o segundo golo. A partir daí o Beneditense jogou tranquilo e deixou os homens do Vieirense tomar conta do jogo mas sem sucesso para a equipa visitante.Com esta vitória a equipa da Benedita soma 9 pontos enquanto que o Vieirense mantem os seus 4 pontos.

Ansião vence Matamourisca

Ansião 3 - 2 Matamourisquense

Numa tarde bastante agradável para a prática desportiva, encontravam-se duas equipas com objectivos diferentes, o Ansião luta pelo regresso ao campeonato maior da distrital e a equipa do Matamourisquense que luta por tentar fazer melhor que na época passada. O jogo começou com uma toada mais ofensiva dos jogadores do Ansião que dominaram por completo os primeiros 15m de jogo, sempre recorrendo aos seus rapidíssimos extremos que eram um quebra cabeças para a defesa do Matamourisquense, através de cruzamentos bastantes perigosos, mas que quase sempre morriam nas mãos do guarda-redes visitante ou então eram anulado pela defesa Matamourisquense, salvo excepção para uma jogada de bonito efeito da equipa de Ansião através de uma circulação de bola muito rápida consegue desmarcar o extremo-direito que com o guarda-redes visitante pela frente, permiti a defesa ao mesmo, quando tinha um colega em melhor posição para finalizar. A partir dos 15m a equipa do Matamourisquense conseguiu aliviar a pressão do Ansião e assentar o seu jogo e começando a criar dificuldades ao Ansião, o jogo a partir desse momento foi jogado mais no meio-campo, um jogo mais físico, mas sempre bem jogado, até que aos 30m o Ansião tem um livre perto da área do Matamourisquense, um livre perigoso, em que o central Samuel amortece a bola para um seu colega e quando ele tenta fazer o remate o guarda-redes visitante tira-lhe "o pão da boca" fazendo a mancha e é no seguimento desse lance que através de um rápido contra-ataque muito bem delineado apanhando a equipa do Ansião em contra pé, que a equipa do Matamourisquense chega ao 0-1, estava assim feito o 1º golo do jogo. A equipa do Ansião sentindo o golo, tentou uma reacção que viria a ter os seus frutos aos 40m, mas antes disso realce para o remate de Palhais que com um remate fortíssimo obrigou o guarda-redes visitante a aplicar-se. Até que chega o momento do empate, após um livre, Samuel assiste André Silva que na cara do guarda-redes e aproveitando uma falha de marcação da defensiva visitante, atira para golo e repõem a igualdade. Igualdade essa mais que merecida, já que nenhuma das equipas merecia estar a perder. Chegava-se assim ao intervalo com um empate, 1-1, resultado justo.
Ao Intervalo: 1-1
Na segunda-parte entrou novamente melhor o Ansião, pressionado pelo raspanete levado pelo mister Ricardo Silva, recorrendo sempre ao mesmo estilo de jogo, bolas colocadas nas alas, procurando sempre os seus extremos rapidíssimos, mas que foram quase sempre anulados pela defensiva Mourisquense, mas sempre que conseguiam fugir aos seus opositores, criavam sempre perigo com excelentes cruzamentos procurando sempre o altíssimo Bajedas e Pedro Neves. Aos 10m da 2ª parte o Ansião chega pela primeira vez à vantagem na partida, mais uma vez através de uma bola parada. Livre muito bem executado, que levava o caminho da cabeça de Bajedas, que com um golpe de cabeça faz um golo de belo efeito, não dando hipóteses ao guarda-redes visitante. Estava assim em vantagem o Ansião, que já muito tinha corrido atrás. O Ansião remeteu-se à defesa, tentando sempre sair em rápidos contra-ataques e tentanto aproveitar a subida do Mourisquense, que procurava o golo do empate. Foi num desses rápidos contra-ataques que o Ansião quase chega ao 3-1 e à tranquilidade, após um cruzamento o guarda-redes visitante soca a bola para fora da sua área e na recarga o jogador do Ansião com um bom remate propociana uma excelente defesa ao guarda-redes visitante. Após este susto o Matamourisquense fica com um total domínio sobre o Ansião, e aos 75m o Matamourisquense após um livre quase chega a igualdade, mas dois jogadores do Matamourisquense atrapalham-se no momento D. Até que aos 82m o Matamourisquense chega a igualdade, após uma excelente jogada de circulação de bola, muito bem trabalhada, um jogador do Matamourisquense isolado perante Bruno, não dá hipóteses ao guarda-redes do Ansião. Estava feita a igualdade. O guarda-redes esse que em 90m em 5 remates à sua baliza sofreu 2 golos.. O Ansião tentou um forcing final, mas as bolas morriam sempre ou na defensiva Mourisquense ou nas mãos do guarda-redes visitante. Já todos esperavam como desfecho final a igualdade, mas é quando acontece o caso do jogo. Após um lançamento longo, para a pequena área do Matamourisquense, o guarda-redes da Matamourisca saisse e já com em contacto com as suas mãos é completamente albarroado pelo capitão do Ansião na pequena área, falta clarríssima de Jorge Fazenda sobre o guarda-redes, a bola caprichosamente ressalta para a barra e rola por cima da barra até que cai, e o jogador do Ansião remata mas a bola embate no corpo de um homem da Mourisca e na recarga João Pedro marca golo estava feito assim o 3-2 e resultado final. Em jeito de resumo, o Ansião foi sem dúvida a equipa mais perigosa em campo e que mais procurou a vitória, mas por tudo o que fez o Matamourisquense e pela maneira de jogar, jogando o jogo pelo jogo, o resultado mais justo seria o empate, num bom jogo de futebol com duas equipas a darem um bom espectáculo. Um jogo com casos, golos, e muita emoção, um verdadeiro espectáculo de futebol.
Arbitragem: O árbitro fez um óptimo trabalho durante os primeiros 45m, sempre com boas decisões. Na segunda parte é que borrou a pintura, ao não marcar uma penalidade a favor do Ansião e a fazer a maior asneira do jogo, ao não marcar falta sobre o guarda-redes da Mata-Mourisca, que como se dizia na bancada "até um cego via que aquilo era falta".Outro reparo é para a completa falta de sincronização entre o árbitro principal e os árbitros auxiliares. Já que o árbitro auxiliar levantava a bandeirola para um lado e o árbitro assinalava o contrário.

domingo, outubro 12, 2008

Contra-ataque venenoso foi mortífero

Boavista 2 - Praia da Vieira 4
Jogo no Parque Desportivo da Boa Vista.
Árbitro: Ricardo Martinho (AF Leiria).
Árbitros auxiliares: Ricardo Morgado e Nuno Leal.

GDR Boavista : Zé Ricardo; João Lisboa (Cristiano, 77 m), Nhó (cap.), Sérgio Silva e Isaac; Marco, Neto e Bruno Sardinha; Pedro Rafael (Beto, 81 m), Nelson e Ico (Tiago Gomes, 70 m).
Jogadores não utilizados: Paulo Ferreira, Bruno Estanqueiro e Vasco.
Treinador: Paulo Felício.

GD Praia da Vieira : Tiago; Cacau (Mota, 67 m), Nélio, Nuno e William; Telmo (cap.); Bruno, Simão e Sílvio; Óscar (Karelho, 70 m) e Sardão (Hugo, 82 m).
Jogadores não utilizados: David, André e Xano.
Treinador: José Sousa.
Ao intervalo: 2-2.
Golos: 0-1, por Óscar, quando era decorrido um minuto de jogo; 1-1, por Nelson, aos 10 minutos; 1-2, por Sílvio (g.p.), aos 30 minutos; 2-2, Bruno Sardinha, aos 43 minutos; 2-3, por Cristiano (p.b.), aos 85 minutos; 2-4, por Sílvio (90+3 m).
Acção disciplinar: Cartão amarelo a Nélio (39 m), Isaac (44 m), Neto (61 m), Bruno Sardinha (65 m), Tiago Gomes (74 m), Karelho (75 m), Beto (77 e 85 m), Óscar (80 m), Nuno (86 e 90+2 m). Vermelho por acumulação de cartões amarelos para Beto (85 m) e Nuno (90+2 m).
A Praia da Vieira começou o jogo praticamente a ganhar. Ainda não eram decorridos dois minutos de jogo quando Tiago, guarda-redes visitante, pontapeou forte a bola para a área adversária e, após uma hesitação de um dos defesas da casa, Óscar, muito oportuno, abriu o activo.Foram mesmo os visitantes quem mostrou melhor futebol durante alguns minutos, com Sílvio, Simão, Sardão e o experiente William a comandarem as operações, ainda com a ajuda do promissor Nuno.Mas, após uma boa jogada do ataque da casa, Nelson obteve um golo de bandeira, aproveitando o adiantamento de Tiago, em jogada corrida do sector ofensivo dos anfitriões.Simão teve oportunidade para marcar o segundo golo forasteiro, mas ganhou somente um canto.Porém, um avançado da Praia é carregado dentro da área adversária e o árbitro assistente assinalou grande penalidade que Sílvio marcou.A equipa de Paulo Felício, mesmo em desvantagem, foi subindo gradualmente de produção e, aos 37 minutos, após um excelente centro de Pedro Rafael, Ico rematou por cima da barra.Até que, perto do intervalo, no seguimento de uma excelente incursão de Isaac à àrea adversária, Bruno Sardinha dez o 2-2.No segundo tempo foi a Boavista que entrou determinada em resolver o jogo a seu favor, tendo Pedro Rafael rematado com intencionalidade aos 47 minutos à baliza adversária e por pouco a bola não entrou nas redes de Tiago. Nelson, um minuto depois, enviou a bola ao poste da baliza forasteira e Pedro Rafael obrigou Tiago, três minutos depois, a realizar uma defesa do ‘outro mundo’, evitando que as suas redes fossem tocadas pela terceira vez.A equipa da Praia respondia em contra-ataque e teve duas jogadas de perigo aos 53 minutos e outra aos 81.O jogo entrou numa fase algo ríspida, com entradas que mereceram a intervenção disciplinar do árbitro.Já na parte final da partida, numa jogada rápida e bem delineada do ataque visitante, a bola entrou na baliza de Zé Ricardo, mas enviada por um seu colega de equipa e Sílvio, um dos melhores em campo, sentenciou o jogo já em período de compensação.A arbitragem não foi muito ajudada pelos jogadores, especialmente na segunda parte, mas merece nota positiva.
-----
O que disseram os treinadores:
Paulo Felício (Boavista): “O resultado é extremamente injusto e penaliza sobremaneira a minha equipa. Falhámos na concretização e o adversário aproveitou, tanto mais que é uma equipa prática e experiente”, declara.
José Sousa (Praia da Vieira): “Foi uma boa vitória dos meus meninos frente a uma boa equipa. Os meus jogadores estão de parabéns e todos eles poderão dar grandes alegrias à Praia”, remata.

Tuna Caranguejeiro - Diário de Leiria

2ªJornada - 1ªDistrital Norte e Sul - Juvenis

Zona Norte
Resultados
Sp. Pombal 4 - Motor Clube 2
Bidoeirense 2 (Michel e Carlos Lagoa) - GD Ilha 2(David Fernando e Sandro)
Santo Amaro 6 (André Domingues 4 , João Duarte e Rúben Caetano) -Mata Mourisca 0
AR Ranha 1- Avelarense 4
O Abelha 4- Boavista 0
Pedroguense 5- Almagreira 1
-----
Classificação
1º-Sp.Pombal - 6 Pontos
2º -GD Guiense - 6 Pontos
3º -Avelarense 6 Pontos
4º-Bidoeirense 4 Pontos
5º -Arcuda 3 Pontos
6º-Santo Amaro 3 Pontos( - 1 jogo)
7º -O Abelha 3 Pontos (-1 jogo)
8º-Pedroguense 3 Pontos
9º -GD Ilha 1 Ponto
10º - Ranha 0 Pontos
11º-U.Matamourisquense 0 Pontos (-1 jogo)
12º-Pelariga 0 Pontos (-1 jogo)
13º-Motor Clube 0 Pontos
14º-Almagreira 0 Pontos
15º-Boavista 0 Pontos
-----
-----
Zona Sul
Resultados
Soutocico 4 - Biblioteca 0
GD Peniche 2 - UD Batalha 0
ACR Maceirinha 1(Nuno) - A-dos-Francos 0
SL Marinha B 7(Marco 4 , Aníbal , Pedro e Sousa) - UD Turquel 0
Caldas SC B 3 - Pilado 0
Caranguejeira 0 - Bombarralense 3 (Cosme , Fábio e André Almeyda)
AC Marinhense 3 - UR Mirense 0 (Falta de Comparência)
CD Pataiense 1 - G.Alcobaça B 2
-----

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Wook